Critérios políticos ainda mandam na administração

A escalação do secretariado do prefeito Marcelo Belinati levou em consideração, digamos, 80% de critério político… Critério técnico mesmo, um ou outro nome.

Parodiando aquela velha frase que é no andar da carroça que as abóboras vão se acomodando, temos entre os novos membros do primeiro escalão os suplentes de vereador Regis Choucino (PP), Ronaldo Siena (PL), Péricles Deliberador (PSC), Bernardo Pelegrini (PDT), Marcelo Oguido (PTB).

Há também escalados que são ou foram filiados ao MDB, PCdoB, PT, DEM, etc, etc.

 

 

One thought on “Critérios políticos ainda mandam na administração

  • 12/01/2021, 09:46 em 09:46
    Permalink

    Peca cuidando de cemitério como o Jaqueta Gas

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: