É bom Jair se Acostumando

E semana está animada:

  • Mourão, o vice-presidente, garante um salário de R$ 36 mil pro filhão;
  • Onyx, o chefe da Casa Civil, mais uma vez é denunciado por movimentos, digamos, suspeitos;
  • A família Queiroz, aquela do motorista que deposita grana alta na conta da primeira dama, não comparece ao depoimento
  • Bolsonaro e o aumento do IOF: disse, desdisse e levou enquadrada da equipe.

 

 

15 comentários em “É bom Jair se Acostumando

  • 08/01/2019, 20:16 em 20:16
    Permalink

    Olha….. até ia tentar responder todos seus questionamento mas procurei em posts antigos e não encontrei nenhuma postagem no mesmo sentido sobre nomeações do PT……..por exemplo a do João Batista Resende, vulgo “Zé Borrado” para Anatel. Ele era funcionário de concursado da Anatel? Não! Ele é formado em economia…… não sabia a diferença de CDMA com TDMA mas foi nomeado presidente da Anatel. Em seu curriculum ele tem a honra de ter presidido a unica empresa de telefonia do Brasil que atualmente se encontra em processo de caducidade. Olha, sabendo que o filho do Mourão é funcionário CONCURSADO do BB vou parar por aqui……… nem vou me dar ao trabalho dos outros questionamentos.
    Na verdade eu estou achando que o que tá faltando é nomeação para esposa de de jornalistas………aí sim vocês vão ler na imprensa que o Bolsonaro será, é e foi o melhor presidente do Brazyl.
    Vergonha na cara é bom viu…….

    Resposta
    • 09/01/2019, 10:31 em 10:31
      Permalink

      Como a gente pode levar a sério um bolsonariano tupiniquim que, com espírito de colonizado, escreve “Brazyl” com “y”? Não é à toa que o guru do Messias Bolsonaro e dos seguidores da seita dele é um estúpido que contesta o heliocentrismo e defende ideias da Idade Média, anteriores aos avanços de Copérnico e Galileu no campo das ciências.

      Resposta
      • 09/01/2019, 20:56 em 20:56
        Permalink

        Campão, nem notou o “z” né? Não percebeu a ironia? To tentando entender sua lógica…… o que tem haver melancolia profunda com melancia na bunda? Percebeu agora? Claro que não né…..sua melhor leitura se restringe a “Feliz ano velho”

        Resposta
        • 10/01/2019, 13:37 em 13:37
          Permalink

          Claro que notei o “Z”! Mas sei que bolsonariano, como fiel seguidor de um puxa-saco do Trump e entreguista de carteirinha a ponto de oferecer base militar pros Estados Unidos, deve achar o máximo Brazil escrito com “Z” como escrevem os americanos. Mas não com “Y”. Aí é erro ortográfico mesmo… Além do mais, quem escreve Brazil atribuindo sentido irônico é crítico de Bolsonaro, não seu defensor.

          Resposta
    • 10/01/2019, 11:38 em 11:38
      Permalink

      Concursado sim. Competência não!!!! sou bancário do BB e meu currículo é infinitamente melhor que o dele, todos, digo todos que trabalhamos no BB e outros bancos estão revoltados.

      Resposta
  • 08/01/2019, 21:29 em 21:29
    Permalink

    Bom mesmo é o que estava no governo………
    Filho do General Mourão é concursado no BB há 18 anos….., simplesmente foi promovido a assessor.
    Quanto ao Onyx, denúncia é denúncia…..São apenas indícios, cabe o ônus da prova.
    E quanto ao IOF a equipe econômica já se pronunciou.
    Portanto………apenas opinião sua.

    Resposta
    • 09/01/2019, 10:35 em 10:35
      Permalink

      Só um devoto do Messias B. pode defender um político que apresenta um monte de notas fiscais emitidas em série. Qualquer imbecil sabe que são notas frias.

      Resposta
    • 09/01/2019, 21:45 em 21:45
      Permalink

      OUTRO QUE TEM QUE VENDER O SOFÁ
      DA SALA.

      Resposta
  • 08/01/2019, 21:40 em 21:40
    Permalink

    Grande Londrina do Constantino vai ficar mais 30 anos explorando o transporte coletivo e o povão de Londrina.

    Resposta
  • 09/01/2019, 00:17 em 00:17
    Permalink

    Mais uma enquadrada! Bolsonaro estava doido (no sentido literal e figurado) pra dar um terrenaço para os americanos montarem uma base militar na “pátria amada”. O capitão levou uma enquadrada dos generais e agora vai ter que se explicar com o Mike Pompeo. Quá! Quá! Quá!

    Resposta
  • 09/01/2019, 11:18 em 11:18
    Permalink

    O sr. Genildo faz uma defesa apaixonada da nomeação do filho do vice, general Mourão, no BB, que elevou seu salário de R$ 12 mil para R$ 36 mil. Não menos apaixonada é a fé do sr. Genildo no presidente eleito. Isso é o que chamo de amor sem limite, paixão desenfreada. Talvez o sr. Genildo não saiba, mas o Bolsonaro presidente ficou puto com o vice por ele ter arranjado essa sinecura para o filho. Neste caso, não dá pra defender os dois “líderes” republicanos. A não ser excesso de puxa-saquismo.

    Resposta
    • 09/01/2019, 20:58 em 20:58
      Permalink

      Tente fazer uma defesa apaixonada das nomeações do PT……… pode ser de um que não esteja preso ou de alguém que não tenha denuncia de corrupção? Tá dificil? Não sabe de nenhum? Pode ser o do nome acima citado…….

      Resposta
  • 10/01/2019, 10:10 em 10:10
    Permalink

    Ricardo Vélez, pede pra sair!!!

    Resposta
  • 10/01/2019, 10:39 em 10:39
    Permalink

    O maluco que Bolsonaro nomeou ministro das Relações Exteriores indicou para a Apex (agência que promove o comércio exterior) um puxa-saco do Trump e do próprio Bolsonaro: Alecxandro Carreiro. O cara, que é chegado do Zero Dois, teve que pegar a mala e se mandar da Apex e perder o salário de R$ 50 mil mensais. O motivo? Bolsonaro nomeou para a Apex o cara que não sabe inglês nem tem experiência no comércio exterior. Genildo, no time do seu presidente só tem cabeça de bagre. Sorry!

    Resposta
  • 10/01/2019, 10:43 em 10:43
    Permalink

    O ex-presidente da Apex, Alecxandro Carreiro, assumiu o cargo ameaçando fazer uma faxina e mandar embora os “petistas” que trabalhavam na agência. Não deu tempo. Alecxandro Carreiro teve que ir embora antes. Eita governinho sem vergonha.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: