Habeas corpus rejeitado

Informa Fernando Tupan que o ex-chefe de gabinete de Beto Richa de 2011 a 2018, Deonílson Roldo, teve um novo pedido de habeas corpus rejeitado.

Desta vez pelo juiz Paulo Sergio Ribeiro, da 23ª Vara Criiminal de Justiça Federal de Curitiba, que investiga pagamento de vantagens indevidas da Odebrecht no governo Richa, para duplicação da PR 323.

Deixe uma resposta