Hoje, meio dia ao vivo aqui no blog: A polêmica dos procuradores que querem ganhar mais que o teto salarial do prefeito

E hoje tem debate ao vivo, ao meio dia aqui no blog, pelo nosso canal do youtube, sobre a decisão da justiça que determina que a prefeitura pague cerca de R$ 30 milhões aos procuradores do município, inclusive aos aposentados.

Eles querem ganhar mais do que o teto salarial do prefeito.

Vão participar os advogados Gabriel Antunes e Ricardo Maruch.

Participe do debate e esclareça suas dúvidas.

É só acessar o link AQUI

 

9 thoughts on “Hoje, meio dia ao vivo aqui no blog: A polêmica dos procuradores que querem ganhar mais que o teto salarial do prefeito

  • 14/10/2021, 10:10 em 10:10
    Permalink

    Povo passando fome e essa turma fora da casinha. Nosso país é um vergonha!

    Resposta
    • 14/10/2021, 11:44 em 11:44
      Permalink

      O que me assusta são os advogados q estão participando dessa farsa. Estão a serviço de quem? Sabem bem q a história não é essa. Houve decisão do STF aplicável a todo o Brasil.
      Parece q a campanha política começou com tudo.
      Mas a difamação propagada certamente será punida.

      Resposta
  • 14/10/2021, 10:15 em 10:15
    Permalink

    O povo é escravo do setor público. Além da estabilidade, agora salários nababescos.

    Resposta
    • 14/10/2021, 10:53 em 10:53
      Permalink

      Trabalham muito quando é para tirar direitos de funcionários principalmente de aposentados..

      Resposta
  • 14/10/2021, 11:26 em 11:26
    Permalink

    Paraná foi considerado pior estado solução de crimes. Quanto ganha um delegado ou um promotor? Nada é resolvido! Fim dessa maldita estabilidade pública melhoria o Brasil..

    Resposta
  • 14/10/2021, 11:51 em 11:51
    Permalink

    Debate pressupõe Contraponto. Os procuradores foram chamados para expor a versão deles?
    Tá com cara de panfletagem.

    Resposta
    • 14/10/2021, 14:14 em 14:14
      Permalink

      O procurador da prefeitura João Esteves foi convidado

      Resposta
  • 15/10/2021, 12:42 em 12:42
    Permalink

    Bem, como sou um dos pagantes dos salários públicos…salário alto, hein? Fico com uma dúvida: os advogados ou procuradores públicos podem exercer outras funções, como em escritórios particulares ou docência em universidades? Não sei se podem, mas em caso positivo, deveria ter uma lei de incompatibilidade com quaisquer outras funções, como uma exigência de dedicação exclusiva, afinal, o salário já é alto o suficiente. Sr Paçoca, existe essa incompatibilidade? Independente disso, salário altíssimo, mas querem mais um pouquinho…e com toda a crise econômica.

    Resposta
  • 15/10/2021, 13:10 em 13:10
    Permalink

    Tem procurador que dá aula ?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: