Londrina recebe mais R$ 6 milhões para pagar desapropriação de áreas ao redor do aeroporto

Da Assessoria

O Governo do Estado repassou nesta quinta-feira (10/11) mais R$ 6 milhões à prefeitura de Londrina, para o pagamento pela desapropriação de lotes de imóveis para permitir a ampliação do aeroporto José Richa. O desembolso foi feito pela Fomento Paraná com recursos do Sistema de Financiamento aos Municípios.

Esse valor é parte de um contrato no valor de R$ 11 milhões, assinado em junho de 2016, entre a Prefeitura e o Governo, e contempla 10 imóveis cujos proprietários concordaram com a negociação amigável em torno do valor dos terrenos.

Desde 2011 o Governo do estado já destinou ao município R$ 53 milhões em financiamentos e recursos a fundo perdido para a desapropriação de áreas do entorno do terminal. O projeto de ampliação do aeroporto de Londrina vai beneficiar ao menos 100 cidades da região e elevar a capacidade de atendimento de 1,2 milhão de passageiros por ano para 3 milhões por ano.

“Entendemos a importância do aeroporto de Londrina, que é estratégico para a região e para o desenvolvimento do Paraná. Por isso não medimos esforços para apoiar o projeto de expansão da capacidade operacional do terminal”, afirma o governador, que já ficou impossibilitado de sair da cidade em virtude da chuva e do mau tempo.

As obras de ampliação e modernização do terminal aeroportuário, que devem ser executadas pela Infraero, incluem ampliação da pista de pouso e decolagem, área de taxiamento de aeronaves, terminal de passageiros e a instalação do ILS (Instrument Landing System), que permite pousos e decolagens em condições severas, entre outras melhorias. No total, os recursos para ampliação devem superar R$ 200 milhões.

Deixe uma resposta