O medo dos servidores na CMTU

Se tem um órgão em Londrina que onde a galera está tensa é na Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU). O medo, óbvio, é de perder os empregos. Nos últimos anos a empresa assumiu uma série de serviços, porém sem a estrutura e o orçamento necessário.

Agora a ideia da prefeitura, e está claro isso, é aos poucos, desmobilizá-la. O parecer jurídico da Procuradoria Geral do Município (PGM), disse que os funcionários não poderiam ser reaproveitados em outras secretarias. E por isso, seriam demitidas. O procurador geral Paulo Valle explicou que o caminho não seria acabar com o órgão. Segundo ele seria impossível transpor empregados celetistas  para órgãos públicos, onde os funcionários são estatuários. O clima está de apreensão entre os funcionários.

Deixe uma resposta