OAB e a denúncia

E um parecer da OAB do Paraná, assinado por Cassio Lizandro Teles diz que a Procuradoria de Londrina não poderia recorrer sobre o caso dos procuradores que querem receber salários maiores do que o prefeito.

Então tá né, se a OAB que defende os advogados diz, quem é o contribuinte para questionar.

One thought on “OAB e a denúncia

  • 09/02/2021, 16:35 em 16:35
    Permalink

    Apesar do que muitos pensam, procuradores municipais não possuem correlação com os promotores do Ministério Público. São advogados que defendem a prefeitura nas ações em que o município é réu ou autor, igual a qualquer outro advogado. Não é agente político, não é cargo vitalício. Na gestão barbosa eles dobraram seus salários sob argumento de incorporar a sucumbência, depois entraram com ação para receber novamente a sucumbência e em caráter indenizatório para não pagar IR nem descontar do teto e por fim não incidir o teto. Com isso tudo passam a ganhar mais que ministros do STF trabalhando apenas 30h sem dedicação exclusiva. Sem falar na história de não baterem ponto como os demais servidores nem possuem efetivo controle dos trabalhos, se perdem prazo o município perde dinheiro mas nunca há a responsabilização dos procuradores. Teta maior que essa não existe.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: