Os rolos não param nunca

do Antagonista

O reitor da Universidade Nacional de Rosário, Franco Bartolacci, disse hoje no Twitter que Carlos Alberto Decotelli não tem doutorado pela instituição, ao contrário do que consta no currículo Lattes do ministro.

7 thoughts on “Os rolos não param nunca

  • 26/06/2020, 17:53 em 17:53
    Permalink

    Quá! Quá! Quá! Mais um motivo para os argentinos zoarem os brasileiros. Depois do “doutor” Weintraub, do “mestrado bíblico” da Damares, chegou a vez do “doutor” no MEC. Quá! Quá! Quá!

    Resposta
  • 26/06/2020, 18:37 em 18:37
    Permalink

    Parece que está no DNA deste povo a mentira, a enganação, o sinismo, o desrrespeito a inteligência das pessoas e a proteção a milicianos. Até quando brasileiros?????

    Resposta
  • 26/06/2020, 23:58 em 23:58
    Permalink

    Se apertar mais um pouco, vai aparecer uma graduação em qualquer universidade a distância…

    Resposta
  • 27/06/2020, 12:13 em 12:13
    Permalink

    Pego na mentira, o ministreco da Educação já mudou seu currículo na Plataforma Lattes. Vergonha todo mundo saber agora que a tese escrita foi reprovada e nem fazer a defesa oral dela o “dotô” pode fazer. E como será que ele conseguiu o “pós-doutorado sem doutorado” em uma das universidades de Wuppertal, Alemanha. Será que essa universidade é do tipo pago-passou?

    Resposta
  • 27/06/2020, 13:25 em 13:25
    Permalink

    Quem se presta a esse papel é mau caráter. Então Carlos Decotelli podemos dizer que não passa de um mentiroso. O Governo Bolsonaro é cheio de fraudes. Fraude não é crime?

    Resposta
  • 27/06/2020, 18:41 em 18:41
    Permalink

    A universidade argentina desmontou o doutorado do ministro da educassão do Bolsonaro. Agora descobriram que a dissertação do menistro da iducação pra obter o mestrado tem longos trechos plagiados. Afinal de contas, esse ministro da inducassão do Bolsonaro conseguiu nota pra concluir o 1º Grau ou foi aprovado pelo Conselho de Classe?

    Resposta
  • 28/06/2020, 21:07 em 21:07
    Permalink

    Mais um ministro do Bolsonaro que começa muito mal, na verdade, desmoralizado. Acusado de plágio, o ministro disse que pode ter cometido “falhas técnicas ou metodológicas”. Que comédia!

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: