PCdoB quer ser o expoente da esquerda em Londrina

Desta vez deve ser diferente. O PCdoB de Londrina, que disputou a eleição majoritária na cidade tendo como candidato Márcio Sanches e vice o empresário Osvaldo Lima, diz que vai participar mais da discussão política da cidade.

“O partido pretende continuar com sequência nas nossas propostas, que muita gente nem se abriu para escutar. A candidatura foi uma semente que o partido plantou, e vamos continuar regando esta semente, apresentando propostas para a cidade e fiscalizando o que foi apresentado pelo projeto que ganhou a eleição. O PCdoB quer fazer política na cidade, e continuar a construção de uma opção verdadeiramente de esquerda para Londrina”, disse Sanches.

3 thoughts on “PCdoB quer ser o expoente da esquerda em Londrina

  • 25/11/2020, 16:50 em 16:50
    Permalink

    Precisa mudar a narrativa. Socialismo e comunismo são conceitos complexos, precisa falar a linguagem simples, que o povo gostaria realmente de ouvir, que venha de encontro aos seus reais anseios, necessidades. A direita é competente nesse aspecto, por isso, obtém êxito. Evidentemente, que a direita tem seu lado demagógico, mas a esquerda também tem seu lado demagógico, ou no mínimo ingênuo. A ideia de justiça social é a única radicalidade a que não se deve abandonar nunca. Atacar o oponente também não é uma boa estratégia, sobretudo, ser for tipo o Bolsonaro, que tem eleitores cativos. Busque experiências de governo, de narrativas, que tiveram êxito em outros países. Passou da hora da esquerda se aglutinar numa ou duas legendas. As legendas existentes não se entendem, enquanto a direita se fecha em copas. Agressividade ao falar também não é uma boa estratégia, parece que fala com raiva.
    Uma coisa é se colocar como um indivíduo socialista, comunista num plano intelectual, ainda que fragilizado, outra coisa é a comunicação com os eleitores, as eleitoras, durante uma campanha eleitoral. Um pleito exige outras narrativas. Mais simples, mais realistas, mais compreensíveis, mais concretizáveis. Falta a esquerda também, tenho observado, carisma. Certeza. Às vezes, demonstra insegurança no que está dizendo, porque, muitas vezes, são irrealizáveis mesmo. Deve buscar, construir um conteúdo programático que os eleitores, as eleitoras jovens, adultos, idosos desejariam vivenciar. São os apontamentos.
    Seja bem-vindo.

    Resposta
  • 25/11/2020, 23:00 em 23:00
    Permalink

    Pra esquerda ser o expoente das forças políticas da cidade vai ter que batalhar muito, muito mesmo. Para o PCdoB ser o expoente da esquerda londrinense vai que batalhar muito mais, muito mais mesmo. Não adianta ficar com lero-lero só com os já convertidos. Vai ser preciso ir pras bases, articular com as bases, ensinar e aprender com as bases, converter as bases que votam naqueles que ferram as bases. O pessoal da esquerda sabe de quem estou falando. Não dá pra enfrentar essa turma boa de lábia que enrola quase 90% dos londrinenses só no trololó, só na conversinha quinzenal ou mensal. Vai ter que suar, meu amigo. Como o candidato do PT a prefeito e a vereadora eleita vão ter que batalhar pro PT reconquistar a força política que já teve. O que vocês é precisam é de determinação, disposição para o trabalho e vocês sabem com quem…

    Resposta
  • 26/11/2020, 04:35 em 04:35
    Permalink

    Com discurso marmita fria desse rapaz nāo vai a lugar nenhum. Um pena e vergonha ao Partidāo.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: