PR tem 461 possíveis fichas sujas

A Lei Ficha Limpa pode impugnar pelo menos 4,8 mil políticos que estão tentando concorrer às eleições em outubro. A lei tem objetivo de evitar que pessoas condenadas pela Justiça disputem cargos públicos. A reprovação de contas e outras irregularidades podem enquadrar um político ficha- suja, como condenações em segunda estância por crimes como lavagem de dinheiro, peculato ou improbidade administrativa e corrupção. Uma análise foi feita sobre as mais de 467 mil candidaturas foram validadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), até 18 de agosto. O Paraná contabiliza 461 ocorrências de possíveis fichas-sujas.

Deixe uma resposta