Ramage era o delegado que comandou a Operação Furna da Onça

do Reinaldo Azevedo/UOL

Costumo dizer que o mundo da política tem um “ICI” muito superior ao de outras áreas da experiência humana. O que é ICI? É o “índice de Coincidências Incríveis”. O que é mesmo a Operação Furna da Onça? Foi deflagrada em 8 de novembro de 2018 — DEPOIS, PORTANTO, DO SEGUNDO TURNO; FLÁVIO TERIA SIDO AVISADO UMA SEMANA DEPOIS DO PRIMEIRO TURNO — para apurar um esquema monitorado pelo ex-governador Sergio Cabral para distribuir propinas na Assembleia Legislativa do Rio. O nome é referência a uma sala que fica ao lado do plenário, aonde deputados costumam ir para reuniões rápidas ou para encontrar visitantes.

Foi no âmbito dessa investigação que se chegou ao extrato bancário de Fabrício Queiroz, evidenciando que ele operava a “rachadinha” no gabinete de Flávio, investigada no âmbito estadual. Ele mesmo o admitiu. Ofereceu uma singularíssima explicação: pegaria de volta parte do salário dos servidores do gabinete de Flávio e contrataria pessoas informalmente para fazer outros serviços no gabinete. E, claro, ele jura que o então deputado estadual não sabia de nada. AGORA O “FATOR ICI” A Operação Furna da Orça é um desdobramento da Operação Cadeia Velha, deflagrada em novembro de 2017, também para apurar propinas pagas pelo esquema de Cabral — nesse caso, na área de transportes.

A gente ainda não sabe quem é o delegado, em tendo acontecido o que diz Paulo Marinho, que cometeu o crime de vazar a operação para Flávio, que avisou Bolsonaro. Mas dá para saber quem é o delegado que chefiou a Operação Cadeia Velha, reunindo informações que levaram, então, à operação Furna da Onça, que chegou a Queiroz. Atende pelo nome de Alexandre Ramagem. Sim, é o delegado que passou a cuidar da segurança pessoal de Bolsonaro, que foi levado depois para a assessoria da Secretaria de Governo, saltando de lá para o comando da Abin e que o presidente queria pôr no comando da PF, de onde vazara a informação…

Parafraseando Rick em “Casablanca” ao ver a amada Ilse em seu bar, pergunto: “Com tantos delegados na PF, tinha ser justamente Ramagem o responsável pela operação que gerou a Furna da Onça, que, segundo Marinho, foi antecipada a Flávio Bolsonaro? Justo Ramagem, que Bolsonaro tentou colocar no comando do órgão? É o tal “ICI” da política: o Índice de Coincidências Incríveis

One thought on “Ramage era o delegado que comandou a Operação Furna da Onça

  • 18/05/2020, 14:07 em 14:07
    Permalink

    isso pra mim se chama bandidagem,por isso a familia quer o protetor.,Cadeia nesse vagabundo.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: