Sempre dá pra piorar: Deputada do Paraná quer cancelar decreto que criou Parque Nacional dos Campos Gerais

Do Blog do Johnny:

A deputada federal Aline Sleutjes (PSL), de Castro, nos Campos Gerais, encaminhou no último dia 8, ao ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, ofício com “objetivo: avaliar a possibilidade de cancelar o decreto de criação ou alterar de Parque para Monumento Nacional o hoje denominado Parque Nacional dos Campos Gerais”.

” Para a parlamentar, “a área delimitada não sofre risco de dano ambiental e está protegida por legislações atuais”. “Tendo consequências danosas imediatas dessas ações para os proprietários dos imóveis contidos no referido perímetro”, defendeu. O Parque Nacional dos Campos Gerais é uma unidade de conservação brasileira, situada na região dos Campos Gerais, e possui aproximadamente 21.300 hectares de área, abrangendo os Municípios de Carambeí, Castro e Ponta Grossa. Foi criado há 13 anos, pelo decreto federal de 26 de março de 2006, com objetivos de preservar os ambientes naturais existentes com destaque para os remanescentes de floresta ombrófila mista e de campos sulinos, realizar pesquisas científicas e desenvolver atividades de educação ambiental e turismo ecológico. Sua fauna é composta por espécimes como a gralha-azul, o lobo-guará, a suçuarana e o tamanduá-bandeira. A área abriga imensas formações rochosas, que impressionam por suas formas em campo de pradarias verde. Também pode ser observado ao longo do parque pinturas rupestres.” (leia mais)

5 comentários em “Sempre dá pra piorar: Deputada do Paraná quer cancelar decreto que criou Parque Nacional dos Campos Gerais

  • 02/05/2019, 11:13 em 11:13
    Permalink

    Que novidade! A madame aí é do partido do Bolsonaro. E como todos já sabem, a turma do Bolsonaro está aí com a política da terra arrasada. Literalmente.

    Resposta
  • 02/05/2019, 15:34 em 15:34
    Permalink

    É o partido do Bolsonaro criando empregos para operadores de motosserra.

    Resposta
  • 02/05/2019, 16:52 em 16:52
    Permalink

    Bom seria se em Londrina tivéssemos deputados que defendessem a flexibilização da zona de amortecimento da Mata dos Godoy, porém uma ong que deve receber muito dinheiro público faz o que bem intende sem sequer consultar, e respeitar a população que reside no entorno. Além de tudo acaba limitando o crescimento da cidade de Londrina, estamos vivendo em um tempo em que os animais e as plantas tem mais valor e direitos que o ser humano.

    Resposta
  • 02/05/2019, 17:02 em 17:02
    Permalink

    O maluco do CAPETAO quer destruir a nossa Amazônia, talquei?

    Resposta
  • 02/05/2019, 21:24 em 21:24
    Permalink

    É o chamado ALINHANENTO, ela começa a jogada e o FLAVINHO B. cabeceia e faz o gol. A quem interessa esse retrocesso? A você! Lógico q não.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: