Transferência de presos para Londrina virou um problema

Ex-secretário de Defesa Social de Londrina e ex-diretor do Centro de Detenção e Ressocialização de Londrina (CDR), Raul Leão Vidal, está preocupado com as transferências de presos de outras penitenciárias para Londrina.

Como presidente do Conselho da Comunidade de Londrina, sentindo a preocupação dos agentes penitenciários co as transferências dos presos que promovem rebeliões e se amotinam para Londrina, após consultar os demais membros protocolei na Vara de Execuções Penais (VEP) um Pedido de Providências com pedido de Liminar para que, por decisão judicial, Londrina não mais receba presos que deram origem a rebeliões em outros presídios”. Segundo ele a questão é muito grave.
“Conversando com o juiz da VEP, ele já adiantou que não concederá a Liminar e novamente estaremos recebendo presos de facções criminosas, não oriundos da nossa Região Metropolitana”.

Para Vidal, as penitenciárias locais já estão sentindo a instabilidade provocada pelas transferências.

Deixe uma resposta