Vem briga por aí: Juiz manda universidades publicar salários no Meta 4

E a queda de braço entre as universidades estaduais do Paraná e o governo do Estado está longe de ter fim. Agora o juiz substituto da 3ª Vara da Fazenda Pública, Jailton Juan Carlos Tontini, concedeu liminar em que determina que universidades estaduais forneçam, no prazo de 15 dias, dados das folhas de pagamento das instituições para que sejam inseridos no sistema de gestão de pessoal do Governo do Estado (RH-Paraná – Meta4). (mais…)

, , , , , ,

Delator diz que encontrou-se com Richa para discutir Caixa 2

Richa e Traiano – Bons Companheios
foto Carta Capital

Do blog do Fernando Tupan

O dono da Construtora Valor, Eduardo Lopes de Souza, afirmou aos procuradores do Ministério Público Federal (MPF) que o então diretor da Secretaria de Educação (Seed) Maurício Fanini participou de uma reunião na casa do governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), 45 dias antes da eleição de 2014, para discutir caixa dois. O G1 e a RPC Curitiba tiveram acesso à delação premiada firmada pelo empresário com o Ministério Público Federal (MPF), que ainda precisa ser homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O atual presidente da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), Ademar Traiano (PSDB), também participou do encontro, afirma o empresário. Eduardo Souza é investigado por fraudes em licitações na construção de escolas do estado. Ele é investigado por fraudes em licitações na construção de escolas do Paraná que chegam a R$ 20 milhões. As informações são do G1. Paraná

(mais…)

, , , , ,

Richa ganha parte da briga com Professores sobre episódio de 29 de abril

Informa a laboriosa equipe de comunicação do governador Beto Richa que o Ministério Público Federal arquivou representação contra ele pelo conflito ocorrido no dia 29 de abril de 2015, no Centro Cívico, em Curitiba. O pedido de arquivamento foi comunicado por meio de ofício do vice-procurador-geral da República, José Bonifácio de Andrada. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , ,

Por quê os negros participam tão pouco da Política Brasileira?

, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Alternativa à extorsão do pedágio

Criado no governo de Jaime Lerner há 20 anos, peça de campanha de Roberto Requião, que dizia que iria abaixar ou acabar, o pedágio drena absurdamente o bolso do paranaense.

O pedágio do Paraná é o mais caro do Brasil.

A foto ao lado mostra não uma cena da amazônia ou de algum rincão perdido pelo País, mas a estradinha perto de Jataizinho, usada por muita gente para desviar do pedágio que custa extorsivos R$ 21,00 para carros de passeio.

O motorista prefere arriscar até a danificar o carro do que ver seu dinheiro suado migrando para a conta das concessionárias de pedágio.

 

, , , ,

Kireeff cria site para esclarecer sobre sua gestão

Como tinha certeza que iria levar umas tijoladas no início da atual administração, o ex-prefeito de Londrina Alexandre Kireeff, resolveu fazer uma prestação de contas para a população.

E, como é apaixonado pela internet, colocou no ar o site http://gestaokireeff.com.br/. Nele o ex-prefeito coloca, tintim por tintim o que considera as melhores ações de sua administração.

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Revelações da Operação Quadro Negro complicam a vida de Richa

Do Cícero Cattani

Segundo reportagem publicada no site deCartaCapital, o esquema, afirmam testemunhas, abasteceu a campanha do governador e de seus aliados nas últimas eleições. Agora, os investigadores querem saber como o dinheiro foi movimentado…Depois da partilha, o restante da quantia era enviado ilegalmente para fora do Brasil por meio de um doleiro, ainda não identificado. Sabe-se apenas que o homem de prenome Rui frequentemente levava dólares e euros à sede da construtora. O doleiro levaria as notas amarradas na perna e saía sempre portando uma mala.” (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

De acusado de ser funcionário fantasma a Miss Paraná, jornal O Globo detona indicados para a Itaipu

de O Globo

A Miss Paraná de 1995, Marilice Perazzoli Collin, e Marcos Vitório Stamm, acusado de ter sido funcionário fantasma no Senado, foram indicados para cargos em Itaipu – Reprodução internet e divulgação

Após fazer até propaganda apontando a “moralização das nomeações das estatais” como uma das principais medidas de sua gestão, o presidente Michel Temer loteou o comando da hidrelétrica de Itaipu entre aliados e indicou para os cargos até um advogado que já foi acusado de ter sido funcionário fantasma do Senado. A lista dos novos dirigentes foi divulgada pelo Palácio do Planalto. Itaipu é administrada em conjunto com o Paraguai.

Todos os indicados têm como padrinhos políticos paranaenses de PSDB, PMDB, PP, SD e PPS. As nomeações atendem a políticos do estado porque a sede da empresa fica em Foz do Iguaçu (PR). O novo diretor-presidente, Luiz Fernando Vianna, é atual presidente da Companhia Paranaense de Energia (Copel) e foi indicado para Itaipu pelo governador, Beto Richa (PSDB).  (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Richa empurra com a barriga nomeação do novo Coordenador da Região Metropolitana de Londrina

O governador Beto Richa está tão preocupado com a região metropolitana de Londrina que desde maio a Coordenadoria da Região Metropolitana está sem comando e até hoje ele não nomeou ninguém pra dirigir a bagaça.

Mas tem aquela situação né, vai que ele nomeia… se o cara quiser trabalhar vai acabar fazendo um monte de reivindicações para a região e isso provoca desgaste.

Sem Coordenador, sem encheção de pacovás.

Mais alguns minutos e todos terão a confirmação de que, como ninguém está sentindo falta, a Coordenadoria não deve servir pra nada mesmo.

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Kireeff assume que quer ser candidato ao governo

Aos mais próximos ele já havia demonstrado a vontade. Agora ele publicou na rede social facebook. O ex-prefeito de Londrina Alexandre Kireeff, definitivamente, quer ser candidato ao governo do Paraná.

Obviamente não basta ele querer é preciso viabilizar politicamente a empreitada. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Campanha: Richa promove um beija-mão para entregar R$ 429 milhões de ICMS

Governador Beto Richa, secretários e prefeitos Foto: Ricardo Almeida / ANPr

E o governador Beto Richa está em campanha eleitoral. Ontem ele chamou todos os prefeitos do Paraná para um beija-mão em Curitiba ao entregar R$ 429,8 milhões aos 399 municípios do Paraná, referente a uma cota extra do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). O montante refere-se ao valor do imposto cujo pagamento foi postergado por empresas que investiram no Estado nos últimos anos. São companhias que aderiram a programa de incentivos para atração de investimentos e que, como benefício, passariam a pagar o imposto devido a partir de 1º janeiro de 2018.

A chequita poderia ter sido depositada na conta dos municípios. Porém, como ficaria a foto?

Quanto custou a ida dos prefeitos e assessores a Curitiba para o beija mão?

Bobagem, isso é apenas detalhe.

, , , , , , , , , ,

Respeitar o período letivo para quê? A UEL poderia criar um calendário de estudos entre greves

A Universidade Estadual de Londrina, a continuar neste ritmo, caminha a passos largos para a irrelevância.  Agora foi decidido suspender o calendário escolar inclusive da pós gradução em que os alunos pagam para frequentar.

Vai chegar o momento em que o aluno, ao analisar as vantagens e desvantagens de estudar na UEL, vai querer, mesmo pagando caro, estudar nas particulares- e olhe que cada vez há mais opções em Londrina. Há alunos, e não são poucos, que não querem nem saber de estudar na UEL pelo simples fato de que entrando não terá a menor ideia de quando sairá.

São tantas as paralisações, manifestações, greves, etc, que até quem é jornalista tem que pesquisar qual é a parada do momento. Aliás, greve na UEL é tão comum que não é mais notícia.

Está certo suspender o calendário escolar. Aliás, a reitora Berenice Brandão poderia até inovar. Quem sabe criar um período de aula entre as greves. Seria mais honesto com os estudantes que desejam realmente estudar e com os professores que realmente querem ensinar.

 

 

 

, , ,

Juiz proíbe invasão na Secretaria da Educação do Paraná e Núcleo Regional de Ensino de Londrina

A Justiça do Paraná concedeu um “Interdito Proibitório” proibindo que integrantes do Movimento Ocupa Paraná,
Movimento Ocupa Londrina e União Paranaense dos Estudantes de 1 e 2 Graus, invadam a Secretaria de Ensino do Paraná e o Núcleo Regional de Ensino de Londrina.
Caso ocorra a invasão, os responsáveis serão punidos com de multa diária no importe de R$10.000,00 em caso de descumprimento da medida”, e “caso eventualmente ocorra a invasão, (…) seja determinada a reintegração de posse e desde logo expressamente autorizado (e requisitado) o uso da força policial para cumprimento da ordem, se necessário”, determina o juiz Marcos Renato Nogueira Garcia.
Veja abaixo:

, , , , ,

PMDB de Curitiba e a interminável guerra pelo poder

Do blog do Tupan

A convenção do PMDB foi realizada ontem, mas o letígio continuará na Justiça. Ontem, Requião Filho conseguiu um agravo e suspendeu a limitar obtida pelo advogado Moisés Pessuti para o grupo dissidente do presidente estadual Roberto Requião. Hoje, Pessuti tentará derrubar o mandado obtido pelos requianistas. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Beto Richa, numa visão romariana, seria o Pelé do PSDB?

O governador Beto Richa tem conseguido ser o Pelé do PSDB.

Aí o cidadão pergunta: “ele é um craque da política”?

Veja bem. Richa tem sido o Pelé, numa visão, digamos Romariana.

Certa vez o atacante Romário, quando ainda jogava e encantava, diante de mais uma bobagem dita pelo Rei do Futebol disse: “Pelé é o nosso rei do futebol, foi gênio. Mas precisa de um sapato na boca. Pelé calado é um poeta”.

E o governador do Paraná tem se caracterizado pela imensidão de anedotas proferidas através da mídia (veja algumas delas aqui).

Agora disse sobre os senadores que foram na Venezuela e foram impedidos de visitar presos políticos: “Espero que o governo do Brasil, em respeito à democracia, repudie com veemência as hostilidades promovidas por militantes chavistas em Caraca. Se os nossos senadores tiverem cerceado o seu direito de se solidarizar com os presos políticos locais, ficará evidenciado que o chavismo aniquilou de vez a democracia na Venezuela”, concluiu Richa com séria amnésia esquecendo-se do que sua equipe fez com os professores no dia 29 de abril durante as manifestações contra as mudanças na Paraná Previdência.

, , ,