A Sercomtel vai sobreviver?

A telefônica Sercomtel está em um momento de decisão.

O que fazer para permanecer no mercado? Chegou a hora de privatizar? É possível sobreviver? Que caminhos podem ser tomados?

O presidente da telefônica, Cláudio Tedeschi, em entrevista exclusiva ao blog, informa que todas as possibilidades estão na mesa, inclusive a de, no futuro, deixar de oferecer serviço de telefonia.

 

4 comentários em “A Sercomtel vai sobreviver?

  • 27/03/2019, 11:55 em 11:55
    Permalink

    Sorry! As lideranças políticas da cidade fizeram Londrina perder o bonde da história e a Sercomtel se transformou não num mico mas num king kong que nenhum grupo econômico de peso vai querer assumir. O melhor dia para a privatização da Sercomtel, isto é, venda da empresa com lucro para a cidade foi o dia seguinte da privatização da telefonia no país pelo governo FHC. De lá pra cá, só prejuízos crescentes. Agora não mais será possível negociar a Sercomtel com vantagens, quando muito com redução de danos. Chato, né?

    Resposta
  • 27/03/2019, 13:45 em 13:45
    Permalink

    Além de não ser do ramo tá mau acessorado. Pra habilitar um pré-pago vai 1kg de papel pra você assinar só faltam pedir antecedentes, empresa não sobrevive assim, mundo que o Sercomtel vive é antigo e fora da realidade atual , eu já desisti dessa empresa …

    Resposta
  • 27/03/2019, 14:24 em 14:24
    Permalink

    Uma das possibilidades da Sercomtel então é deixar de oferecer serviços de telefonia?!? Que tal se preparar para produzir coxinhas gourmet…

    Resposta
  • 27/03/2019, 15:46 em 15:46
    Permalink

    Como salvar uma empresa que tem um passivo crescente, um faturamento de microempresa perto das multinacionais do setor e uma folha de pagamento de sociedade anônima (estrutura pesada e cara)? Só um milagre.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: