Agência de Curitiba vai cuidar das viagens da prefeitura de Londrina

Do bairro Portão, em Curitiba, é a única participante da licitação da Prefeitura de Londrina e vai agenciar o valor de R$ R$ 1.436.056,54 de passagens aéreas e terrestres – nacionais e internacionais. O programa de compras de produtos e serviços de empresas londrinenses não está pegando na Prefeitura Municipal? E deu a Casanova Turismo (http://www.casanovaviagens.tur.br/) de propriedade da Senhora Maria Helena Casanova e Itamar Antonio Casanova Filho.

PREGÃO Nº. PG/SMGP- 0267/2018
PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. PAL/SMGP- 0828/2018 1.
DADOS GERAIS 1.1.
Objeto: Prestação de serviço, através de intermediação, para fornecimento de passagens aéreas nacionais e internacionais e passagens terrestres nacionais  Publicação do Edital: Jornal Oficial do Município em 04/12/2018, Folha de Londrina em 04/12/2018, Diário Oficial da União – Seção 3 em 04/12/2018, Diário Oficial do Estado em 04/12
Data de realização do certame: 09h00 min do dia 18/12/2018 1.6.
2. DO CERTAME
2.1. Participantes: a) CASANOVA TURISMO LTDA – ME 
2.2. Classificadas: a) CASANOVA TURISMO LTDA – ME
2.3. Desclassificadas : NÃO HOUVE
2.4. Inabilitadas:
2.4.1. A empresa CASANOVA TURISMO LTDA – ME foi inabilitada por não apresentar a Declaração que não emprega menores em desatendimento ao subitem 11.1.2 inciso VI.
2.4.2. Considerando ser a única participante no certame foi autorizado pelo Secretário Municipal de Gestão Pública a aplicação do prazo do art. 48, parágrafo 3º da Lei 8.666/93 (1615803) 
2.5. Habilitada:
2.5.1. A empresa CASANOVA TURISMO LTDA – ME apresentou a Declaração constante no subitem 2.4.1. Foi declarada vencedora.
4. DAS CONSIDERAÇÕES GERAIS:
4.1. Valor estimado do edital: R$ 1.436.056,54 (um milhão, quatrocentos e trinta e seis mil, cinquenta e seis reais e cinquenta e quatro centavos)
4.2. Valor gasto no certame: R$ 1.436.056,54 (um milhão, quatrocentos e trinta e seis mil, cinquenta e seis reais e cinquenta e quatro centavos)
5. DA HOMOLOGAÇÃO: Encaminha-se a autoridade competente, Secretario (a) Municipal de Gestão Pública, para homologação do processo. Londrina, 18 de dezembro de 2018. Celso Guaita, Pregoeiro
 ATO DE HOMOLOGAÇÃO PELO SECRETÁRIO MUNICIPAL DE GESTÃO PÚBLICA
Com base nas informações constantes neste Processo Administrativo, modalidade PREGÃO n.º PG/SMGP- 0267/2018, em especial quanto ao relatório final do pregão (1617042), nos termos do art. 4º, inciso XXII, da Lei 10.520/02, HOMOLOGO o presente processo à licitante vencedora CASANOVA TURISMO LTDA – ME.
Uma vez cumpridas as formalidades de estilo, dê-se publicidade ao ato na forma da lei. Londrina, 18 de dezembro de 2018.
Fábio Cavazotti e Silva, Secretário(a) Municipal de Gestão Pública

9 comentários em “Agência de Curitiba vai cuidar das viagens da prefeitura de Londrina

  • 12/01/2019, 10:44 em 10:44
    Permalink

    Pelo tanto que o prefeito viaja, o cara nunca esta na cidade, ele mesmo poderia abrir uma agencia de viagens depois que iremos despacha-lo para todo o sempre da cidade.

    Resposta
  • 12/01/2019, 11:01 em 11:01
    Permalink

    Está cidade acabou, fecha a porteira e apaga a luz. Ser a que não tem uma, uminha agência aqui?

    Resposta
  • 12/01/2019, 11:14 em 11:14
    Permalink

    É a prova inconteste da incompetência de Cavazotti.
    Poderia revogar a licitação e não o fez.
    Com tantas agências de viagem em Londrina e região e só a de Curitiba participa e tem colher de chá para apresentar documento?

    Observatório Social de Londrina nada fala.
    Acil nada fala.
    Sociedade civil nada fala.
    Vereadores menos ainda.
    Associação Brasileira de Agências de Viagem nada fala.
    Convention Bureau então?
    Ministério público é um mistério.

    Resposta
  • 13/01/2019, 14:15 em 14:15
    Permalink

    Uma cidade que não tem uma empresa para participar desse tipo de licitação merece mesmo ser tratada como sub de um bairro da capital. Aqueles que tratam Londrina como colônia de Curitiba sabem que, nas eleições, eles aqui vêm e fazem dois terços dos votos. Cá entre nós, a gente reclama mas a gente merece…

    Resposta
  • 14/01/2019, 14:14 em 14:14
    Permalink

    Olá Paçoca!

    Tudo bem? Aqui é o Marcelo Frazão – trabalho no Programa Compra Londrina.

    Olha só: atualmente, de cada 100 licitações aqui na Prefeitura, 40 são vencidas por empresas locais. Antes do Programa, apenas 15% das empresas com contratos com a cidade eram de Londrina.

    Na prática, em um ano, saltamos de 15% para 40% de fornecedores locais. A meta para 2019 é chegar a 60%.

    No entanto, perceba que sempre haverá empresas de outras cidades vencendo licitações em Londrina, por diversos motivos. As compras da Prefeitura são abertas a empresas de qualquer lugar do país.

    Especificamente sobre a licitação de agência de viagens que você cita, divulgamos esta compra para o segmento por meio do Programa. No ano passado, quando do pregão, fizemos busca ativa contatando 13 empresas da cidade (entre as principais e maiores no setor) por telefone. Também enviamos o edital do pregão por e-mail, convidando-as a participar. As empresas locais têm vantagens e benefícios legais para participar do pregão. E o mercado é livre: não podemos obrigá-las a estarem presentes na licitação, correto?

    Simultaneamente, a Prefeitura gerencia cerca de 1000 contratos e atas com empresas de todo o país. Esteja certo de que mantemos um olhar bastante específico para as dificuldades que as empresas locais têm em participar de processos de compras públicas.

    Não é simples para uma empresa abrir-se ao mercado público de compras. Sem dúvidas, trata-se de um tema “novo” para a grande maioria de negócios que nunca teve o setor público como cliente-alvo.

    Em alguns segmentos, para minimizar dificuldades e ampliar o número de empresas presentes nas licitações, além de ampla divulgação, temos ofertado consultorias, cursos, palestras e workshops focados nas licitações da Prefeitura – principalmente em parceria com o SEBRAE e a ACIL, que também fazem parte do Compra Londrina.

    Sempre que houver uma licitação, AJUDE A GENTE a divulgá-las para gerar mais interesse nas empresas locais. A audiência do Paçoca é um importante meio para ajudar o Compra Londrina a avançar. Com mais empresas locais vencendo licitações, mais empregos, mais impostos, mais recursos circulando na nossa própria cidade. Conhecemos esse ciclo virtuoso e é nele que trabalhamos.

    Desde a semana passada está aberto o Escritório do Programa Compra Londrina, no 1º andar da Prefeitura, com gente capacitada para informar e ajudar os negócios locais a se tornarem fornecedores dos órgãos públicos da nossa cidade. É um suporte extra para as empresas que desejam abrir novas oportunidades de receitas com compras públicas.

    Ajude a gente a divulgar, Osti? E nos contate sempre que surgir uma dúvida do tipo.

    >>> Só marcar uma visita: ligue para a gente no 3372-4605 3372-4606 (12h às 18h)

    >>> Temos um site para cadastrar empresas e disparar os avisos de licitação por e-mail e SMS para elas: http://www.compralondrina.com.br. E também o facebook: http://www.facebook.com/compralondrina

    Abraço
    Marcelo Frazão, Programa Compra Londrina
    Secretaria Municipal de Gestão Pública (SMGP)

    Resposta
    • 14/01/2019, 16:36 em 16:36
      Permalink

      Fábio Cavazitti e Marcelo Frazão era a dupla infernal de jovens jornalistas e radialistas.
      Agora viraram burocratas da Acil e Observatório Social.

      Falou tanto que não explicou: por que cava zotti não fez nova licitação.
      Por que?
      Why?
      Prefeito iria viajar no Carnaval, pois na posse em 1 de janeiro não foi a Brasília acompanhar o Boca Aberta no vexame com bolsonaro e nem o João Mendonça na posse do Ratinho.

      Resposta
  • 14/01/2019, 21:52 em 21:52
    Permalink

    Olha este menino é muito bom para explicar a teoria da enrolatividade , mas quem conhece os tramites sabe que não é bem assim.
    Não é admissível que nenhuma das várias empresas de londrina do segmento não tenha interesse.
    Se realmente houvesse interesse em que empresa de Londrina participasse caberia ao Secretario de Gestão que pelo que tenho sentido quando era do Observatório agia de uma maneira e agora de outra , pois a lei da total cobertura que revogasse a ,licitação por interesse público .
    Mas meus parabéns pelo fiel escudeiro em ter a coragem de vir a publico e fazer esta bela explanação ,mas que não tem nenhuma consistência jurídica que justifique que uma empresa de Curitiba seja a vendedora da licitação.
    Se ainda não foi assinado o contrato ainda é possível de corrigir esta aberração e revogar o processo.

    Resposta
    • 17/01/2019, 15:58 em 15:58
      Permalink

      CONTRATO Nº SMGP-0344/2018
      PROCESSO ADMINISTRATIVO LICITATÓRIO N° PAL/SMGP-0828/2018
      EDITAL DE PREGÃO Nº. PG/SMGP-0267/2018
      CONTRATADA: CASANOVA TURISMO LTDA ME
      REPRESENTANTE: Maria Helena Casanova
      CNPJ: 11.050.221/0001-90
      PRAZO DE EXECUÇÃO: O prazo de execução é de 12 (doze) meses, contados da data da última assinatura deste instrumento contratual
      VALOR: R$ 1.436.056,54
      OBJETO: Prestação de serviço, através de intermediação, para fornecimento de passagens aéreas nacionais e internacionais e passagens terrestres nacionais.
      PROCESSO SEI Nº: 19.008.095551/2018-39
      DATA DE ASSINATURA: 03/01/2019
      O Contrato estará, na íntegra, disponível no site do Município de Londrina.

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: