Boa notícia para quem está com a corda no pescoço: Senado aprova modificações no Supersimples

Ontem, o Senado aprovou o texto-base do projeto de lei que altera os valores de enquadramento do Simples Nacional, o Supersimples. O projeto é um pedido dos governadores dos estados, com a intenção de sanar o rombo com a queda de arrecadação de receitas. A votação continua hoje, com apreciação de dois destaques da matéria. O teto para enquadramento através do Supersimples para empresas de pequeno porte passará de R$ 3,6 milhões para R$ 4,8 milhões. A nova proposta permite o pagamento do ICMS e do ISS por fora da guia do Simples Nacional na parte da Receita Bruta que passar de R$ 3,6 milhões. Algumas alterações para enquadrar o microempreendedor individual também aconteceram, aumentando o limite da receita bruta de R$ 60 mil para R$ 72 mil. Esta mudança também vai valer pra para agricultores rurais.

Deixe uma resposta