Caso do plágio no concurso: Secretário de Saúde é absolvido

O juiz Marcos José Vieira, da 1ª Vara de Fazenda Pública, julgou como improcedente a ação do Ministério Público, por irregularidades no concurso público da prefeitura de Londrina, que queria preencher vagas para a Saúde. As provas foram aplicadas em julho, mas o concurso foi cancelado pelo Ministério Público, por falhas de vazamento de conteúdo e plágio de algumas questões. Na época foi denunciado o secretário da Saúde,  Francisco Eugênio Alves de Souza. A ação pedia R$407 mil aos cofres públicos como dinheiro gasto para elaboração do concurso.

Um comentário em “Caso do plágio no concurso: Secretário de Saúde é absolvido

  • 19/05/2015, 10:56 em 10:56
    Permalink

    Fez tudo errado mas foi absolvido. Qual a lógica?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: