Deputada que teve marido preso após impeachment é investigada

Da Folha de São Paulo

O STF (Supremo Tribunal Federal) investiga a suspeita de que a deputada Raquel Muniz (PSD-MG) e seu marido, o prefeito afastado de Montes Claros (MG), Ruy Muniz (PSB), comandaram uma organização criminosa que cometeu crimes como sonegação fiscal, falsidade ideológica, estelionato, fraude contra credores e lavagem de dinheiro.

Em seu primeiro mandato, Raquel ganhou projeção nacional ao elogiar seu marido durante a sessão da Câmara que aprovou o avanço do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, em abril. (leia mais)

One thought on “Deputada que teve marido preso após impeachment é investigada

  • 17/06/2016, 20:14 em 20:14
    Permalink

    Figura padrão golpista.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: