E aí Requião, dá pra explicar?

Polícia Federal diz que o esquema de pagamento de propina começou em 1999 e nunca parou.

Pergunta: Roberto Requião de Mello e Silva comandou o governo do Paraná entre 2003 a 2010, e nunca percebeu que havia esquema de distribuição de propina do pedágio?

7 comentários em “E aí Requião, dá pra explicar?

  • 26/09/2018, 13:02 em 13:02
    Permalink

    Agora a gente entende porque não abaixou nem acabou….

    Resposta
  • 26/09/2018, 13:35 em 13:35
    Permalink

    Interessante esse detalhe. O esquema começou em 1999, no início do segundo mandato do Jaime Lerner. Com certeza as propinas distribuídas garantiram um dos pedágios mais caros do Brasil. Depois dele tivemos os seguintes governadores: Hermas Brandão (PSDB), por um período curto, Roberto Requião (PMDB), Orlando Pessutti (fantasiado de PMDB mas com indumentária típica de tucano) e finalmente Beto Richa (PSDB). A PF pegou em cheio a turma do PSDB e aliados. Se a turma do Requião participou do propinoduto, cabe à PF responder. Por enquanto, não vi nenhuma evidência. Agora concluir que havia propina do caro pedágio (que toda semana me aplica uma facada no bolso há dezenas de anos), acho que ninguém duvida, nem os 70% de londrinenses que votaram na reeleição do Beto Richa.

    Resposta
  • 26/09/2018, 14:53 em 14:53
    Permalink

    Quem ouviu atentamente a coletiva no post anterior, pode ter uma ideia da responsabilidade do governador Requião no episódio. O próprio procurador federal explicou por que só agora foi possível desvendar o funcionamento do esquema mantido pelas concessionárias de pedágio, servidores públicos e políticos. Mas o que chama a atenção também é que, durante o governo Requião, dezenas de ações cíveis foram ajuizadas contra as concessionárias. Mas o governador Beto Richa fez acordo amigável (atenção, inimigos do Requião, acordo denunciado à farta pelo senador Requião) com as concessionárias para arquivar todas essas ações. Se o Requião ou aliado seu recebeu propina das concessionárias, com certeza o blog com prazer imensurável vai denunciar o fato aqui. Estamos no aguardo.

    Resposta
  • 26/09/2018, 15:06 em 15:06
    Permalink

    Acho que ele compartilha a pérola de sabedoria do seu grande ídolo: “num sei de nada”. Se fosse viúvo emendava com “issó aí era a falecida que via, num sei de nada também.”

    Resposta
  • 26/09/2018, 18:36 em 18:36
    Permalink

    pois e hora de varremos do senado Requião, Beto e de quebra Canziani, renovando para ver se esta p….anda.

    Resposta
    • 27/09/2018, 16:49 em 16:49
      Permalink

      Concordo plenamente pois os três tem telhado de vidro .
      Agora o que me incomoda é como o caso do CIAP esta morto , pois se mexer pode surgir fato novo também na candidatura de alguém. Também outros casos de OSCIP
      Alguém sabe alguma coisa respeito , ou é proibido tocar neste assunto?

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: