Prefeitura de Londrina publica novo edital de venda da Sercomtel, a 0,01 “um centavo” o valor da ação

A prefeitura de Londrina publicou novo edital de venda da Sercomtel, e adivinhem, o novo esforço de venda não apresenta quanto vale a empresa.

Isso que a telefônica contratou uma empresa de Joinville para calcular o valor de mercado da Sercomtel.

Esse estudo serviria de base para o valor novo leilão.

Porém, de acordo com fontes que preferem manter anonimato, o valor da Sercomtel é negativo em alguns milhões.

Diante do assombroso valor negativo da empresa, o modelo de venda da Sercomtel ficou assim: o comprador terá que capitalizar a empresa em 130 milhões de reais, por meio da subscrição e integralização de 13 bilhões de ações, ao valor nominal de 0,01 (um centavo) por ação.

Se houver comprador, e as condições do edital forem mantidas, o novo sócio deterá 85% da Sercomtel, a Prefeitura possuirá 8%, e a Copel ficará com o restante, ou seja, 7%.

O blog perguntou a um diretor de uma dessas três grandes operadoras, se esse modelo de leilão seria atrativo ao mercado, ele categoricamente respondeu que não, “porque a lei municipal vedou a incorporação da Sercomtel à empresa-compradora”. Disse ainda que: “mesmo que a lei municipal admitisse a incorporação, isso exigiria nova distribuição acionária da empresa-compradora, e a prefeitura seria atraída na condição de acionista minoritária para a estrutura acionária da empresa-compradora, e ninguém quer ter uma prefeitura como acionista numa grande operadora, ainda que com participação societária irrelevante”.

Pelo jeito, a prefeitura encenará mais um leilão deserto, e contratará o empréstimo de 30 milhões com a Fomento Paraná de Ratinho Júnior, as custas do IPTU aumentado por Belinati, que é pago com o suor dos londrinenses.

Os 30 milhões, mais os 24 milhões da venda de terrenos, somam 54 milhões, isso vai permitir que a espoliada Sercomtel sobreviva mais alguns anos, servindo ao seu propósito de acomodação política para diretores e assessores.

veja abaixo

4 thoughts on “Prefeitura de Londrina publica novo edital de venda da Sercomtel, a 0,01 “um centavo” o valor da ação

  • 05/07/2020, 20:22 em 20:22
    Permalink

    Existe ainda um projeto de Lei, apelidado de “Reforma das Telecomunicações” que modificou a legislação da atividade de telefonia. Simplesmente extinguiu a telefonia residencial. Abordei em artigo para o mestrado e foi aceitado numa publicação científica e logo sai. Da um Google vc que é um paçoca antenado e veja lá o que fizeram com a telefonia móvel. EXTINGUIRAM. Trocando em miúdos. Nem R$ 0,01 vale meu nobre….

    Resposta
    • 06/07/2020, 14:25 em 14:25
      Permalink

      Olá Antonio. A mudança de concessão para autorização torna mais atrativa a empresa porque a livra dos encargos e obrigações que as concessionárias possuem: exemplo a manutenção de telefones públicos, obrigação de atendimento, taxas e contribuições a fundos etc. É absolutamente o contrário daquilo que você coloca. Isso torna o negócio mais rentável, uma vez que o modelo de concessão é bem menos vantajoso que o da autorização. Desde a privatização das telecoms em 1996 quase todas as concessionárias foram à falência ou apresentaram dificuldades financeiras: brasil telecom, oi, telefônica. As únicas que sobraram foram Sercomtel e Algar, e a única que se manteve saudável no modelo de concessão foi a Algar (mesmo assim teve 25% de suas ações adquiridas pelo fundo soberano de Cingapura). A Sercomtel é beneficiada pela reforma, assim como a Oi – que já teve aceno de compra por uma empresa chinesa que alegou que só compraria a operação autorizatária devido aos encargos da Oi como concessão. Alias a reforma foi realizada justamente para “salvar” a Oi – o grande elefante branco da Anatel. E por estar em mesma situação isso também ajuda a Sercomtel.

      Resposta
      • 06/07/2020, 15:35 em 15:35
        Permalink

        Salve Ciro. Realmente existe a possibilidade de migrar para telefonia móvel. Mas a reforma é clara contra a telefonia fixa. Vc msm diz isso. Quanto a Oi, é naquela operadora do sítio de Atibaia? O Jair é antipt e salvou a empresa que mais ajudou o PT? Esquisito né. Agora, os diretores da empresa não conseguem assimilar o que vc disse. E tem diretor na Sercomtel que sequer conhece a reforma. Outros o nível escolar é tão baixo que se lerem, vão entender lhufas. Espero que ocorra o que vc sugeriu. Mas conhecendo a vontade dos governantes acho difícil. Agora, vc acha que o possível comprador vai ter o que em termos de vantagem? Ninguém faz uma compra para deixar encostado no canto da área de serviço…. O que vc faria?
        Abs

        Resposta
  • 06/07/2020, 09:02 em 09:02
    Permalink

    Pois é, gostaria de saber quem vai assumir a. Parte podre da coisa , uma enxurrada de ações trabalhistas milionárias já ganhas de ex funcionários já tramitando em estancias superiores,quem vai pagar esse estrago? Ficaria essa dívida pra viúva ??

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: