Rolando na internet uma crônica sobre como seria a primeira sessão da Câmara de Londrina

Autor desconhecido, mas bem humorado

O Presidente Airton Nantes inicia a sessão solicitando aos vereadores Deivid  Wisley e Daniele Ziober que separem a briga de seus cachorros. Jessicão faz 👉 e Lenir de Assis responde com 👆.

As duas saem no tapa e rolam no chão.

Santão tenta separar a briga dando dois tiros para o alto.

A apresentadora Lu Oliveira transmite a briga pela TV.

Emanuel Gomes e Giovani Matos iniciam uma oração.

Matheus Thum liga para o Belinati perguntando o que fazer.

Madureira dá um golpe de Taekwondo e separa a briga. Jamil Janene (eterno suplente) se nega a sair da Câmara fala que essa briga vai dar “pobrema”.

As professoras Flávia Cabral e Sonia Gimenes, corrigem o cidadão e mandam comprar um dicionário. Mara Boca Aberta dança na mesa enquanto a bancada nipônica (Jairo Tamura e Eduardo Tominaga) observam tudo e decidem chamar a polícia.

Chavão foge assustado.

Marinho liga desesperado para o Beto Cambará sair do mercado e voltar para a Câmara.

2 thoughts on “Rolando na internet uma crônica sobre como seria a primeira sessão da Câmara de Londrina

  • 18/11/2020, 10:01 em 10:01
    Permalink

    Genial! Que criatividade!

    Parece tão real ou é real? 😏.

    Compartilhando. 👏👏👏

    Resposta
  • 18/11/2020, 14:30 em 14:30
    Permalink

    Estou com medo do suplente do Chavão, que é um grande homem do setor empresarial. O Ministério Público Estadual e Federal vão conhecê-lo pelas posições corajosas e honestas.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: