Vai nomear se for eleito?

Do jornalista Lino Ramos

Os londrinenses Bruno Galati e Cláudio Esteves estão na disputa pelo cargo de procurador-geral de Justiça do Ministério Público estadual, o que na prática significa ser o “chefe do MP”.

Atual subprocurador-geral de Justiça para Assuntos de Planejamento Institucional, Bruno Galati tem um longo histórico de combate à corrupção em Londrina, desde a época do início do escândalo AMA/Comurb, quando atuava como promotor na comarca.

Cláudio Esteves tomou posse como procurador em maio do ano passado, após 12 anos à frente do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) em Londrina.

Foi um dos responsáveis pelas investigações que levaram à cadeia o ex-prefeito Antonio Belinati e comandou a Promotoria de Investigações Criminais (PIC), embrião do GAECO.

A eleição será realizada no dia 14 de março, quando será formada uma lista tríplice para escolha do chefe da Instituição, mediante voto direto, secreto e plurinominal (cada eleitor poderá votar em até três candidatos).

Caberá ao governador Beto Richa (PSDB) analisar a lista tríplice e escolher o novo procurador-geral do MP.

Historicamente, o Executivo dá posse ao mais votado.

2 comentários em “Vai nomear se for eleito?

  • 15/02/2016, 13:31 em 13:31
    Permalink

    Os dois não ganham nem para síndico de prédio em Londrina.

    Resposta
  • 15/02/2016, 20:02 em 20:02
    Permalink

    aposto que vai dar o Luiz Abi…..fez o que fez?????e ta sorrindo na foto.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: