“O Urtigão nunca entrou na toca”

“Eu fiquei sete anos em paz fora da política. Agora, que estou de volta, a situação é a seguinte: quando você tem defeito, as pessoas aumentam; se você não tem defeito, as pessoas inventam. Mas acho que a política tem que mudar. Eu estou sendo bem recebido nos lugares que eu vou. Na verdade, eu tenho caminhado pouco porque tenho que ir de carro, eu não tenho helicóptero, eu não tenho cargo no governo. Até disseram: o Urtigão saiu da toca. Na verdade, o Urtigão nunca entrou na toca, eu estou sempre à disposição. A minha dúvida para o próximo pleito é a mesma dos eleitores. Eu não tinha facebook, instagram e nada disso. Agora, tem movimentos que estão surgindo que não estão muito claros. Se me perguntar como serão as eleições do ano que vem eu não saberei dizer, para mim ainda é uma incógnita.”

Osmar Dias, em entrevista ao jornalista Guilherme Marconi, da Folha de Londrina

Um comentário em ““O Urtigão nunca entrou na toca”

  • 27/11/2017, 16:56 em 16:56
    Permalink

    Toca do Alvaro Dias
    Toca do Roberto Requião
    Toca do Jaime Lerner
    Toca do Orlando Pessuti
    Toca do FHC
    Toca do Lula
    Toca da Dilma
    Toca do Gustavo Fruit
    Toca do Edgar Bueno
    Toca do Augustinho Zucchi
    Toca do José Baka
    Toca do Homero Barbosa Neto
    Toca do Jairo Gianotto
    Toca dos Barros
    Toca do Zé Dirceu

    Em tudo que é toca ele está de tocaia.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: