Vereador denuncia ao MP supostas ilicitudes na CMTU

Vilson Bittencourt encaminhou documentação recebida ao Ministério Público que abriu procedimento preparatório

Telma Elorza/O LONDRINENSE

O vereador Vilson Bittencourt (PSB) denunciou ao Ministério Público supostas ilicitudes que estariam acontecendo na Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU). A denúncia, acompanhada de documentação, gerou a abertura de um procedimento preparatório pelo promotor de Defesa do Patrimônio Público Ricardo Benvenhu.

De acordo com o vereador, chegou às suas mãos documentação enviada por um funcionário da CMTU que comprovariam algumas irregularidades graves, entre elas serviços pagos e não realizados, funcionários que deveriam estar de férias, mas que continuam trabalhando e outras como represálias a funcionários responsáveis por fiscalização de contratos. “Nós avaliamos tudo que recebemos e decidimos procurar o Ministério Público, que tem mais condições legais para alguns atos que serão necessários, como quebra de sigilo bancário, entre outros”, justificou. Bittencourt afirma que há uma séria possibilidade de dano ao erário público e que é “função do vereador fiscalizar e, se possível, impedir isso”. “Não queremos outro escândalo como o da Ama-Comurb”, diz.

O promotor Ricardo Benvenhu disse que, neste momento, está fazendo audiências sobre outras investigações da CMTU, em processos antigos abertos na época em que Barbosa Neto era prefeito e, que por isso, ainda não pode dedicar sua atenção ao procedimento preparatório, que é muito recente, aberto na última sexta-feira (13).

O procedimento preparatório é um procedimento preliminar ao inquérito civil e tem como objetivo reunir informações iniciais tanto em relação ao objeto da denúncia quanto aos investigados. Depois da coleta de informações, pode se transformar em inquérito civil ou ir diretamente para para a propositura de uma ação, caso os fatos e autores fiquem bem definidos durante seu trâmite.

O LONDRINENSE procurou a assessoria de imprensa da CMTU para saber sobre as denúncias, mas, até o momento, não teve retorno. (leia mais)

2 thoughts on “Vereador denuncia ao MP supostas ilicitudes na CMTU

  • 18/11/2020, 17:25 em 17:25
    Permalink

    Não fez nada em oito anos, agora que perdeu resolveu fazer alguma coisa, depois de deixar a saia do prefeito. Agora meu amigo é tarde. Você deveria ter feito alguma coisa e não fez. Porque só agora?

    Resposta
  • 18/11/2020, 22:21 em 22:21
    Permalink

    Marcelo Belinati está todo faceiro com os 69% dos votos válidos que conquistou. Ainda não se deu conta (ou não quer ver o óbvio) de que mais de 1/3 até à metade de seus votos vieram da classe média e de formadores de opinião que estavam aterrorizados com a possibilidade de termos como prefeito um sujeito com problemas psiquiátricos gravíssimos, além de totalmente desqualificado, despreparado, anti-ético, populista e amoral. Some-se a isso, a ausência de uma terceira via com carisma e força suficiente para atrair esses eleitores, que optaram pelo único disponível “na prateleira”.
    Fabio Theophilo

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: