Barros protocola pedido de CEI contra Rony Alves e Mário Takahashi

O vereador de Londrina Filipe Barros (PRB) protocolou agora há pouco um pedido de formação de uma Comissão Especial de Inquérito para investigar a conduta dos vereadores Rony Alves (PTB) e Mário Takahashi (PV). Os dois foram denunciados por suposto recebimento de vantagens indevidas para aprovar projetos de mudança de zoneamento.

 

16 comentários em “Barros protocola pedido de CEI contra Rony Alves e Mário Takahashi

  • 26/01/2018, 15:54 em 15:54
    Permalink

    Agora eu quero ver o Mariano, que é assessor de imprensa do Rony, ligar todo nervosinho nas redações reclamando das matérias falando mal do seu patrão ou pedindo para colocar postagens com nome em destaque. Vai lá Pacoquete, coloca um post falando bem dele aí, do jeitinho que o Mari gosta. Vai dançar a dança do desempregado, como diz seu amigo…

    Resposta
  • 26/01/2018, 16:07 em 16:07
    Permalink

    Parabéns pela atitude, Filipe! Cada dia admiro mais seu trabalho. Quem acompanha de perto a câmara vê que vc está fazendo a diferença. Não podemos tolerar vereadores de tornozeleiras!

    Resposta
    • 26/01/2018, 16:19 em 16:19
      Permalink

      Tá por fora colega. O Rony era visto como pai e exemplo de moralidade pelo Filipe Barros. Vai ser daquelas CEIs para terminar em pizza… Só idiotas acreditam em politicos do MBL..

      Resposta
  • 26/01/2018, 16:31 em 16:31
    Permalink

    se para mudar um zoneamento rolou tudo isto, fico imaginando o que não foi negociado para mudar o IPTU e o lixo da cidade……Gedel deve estar corado de vergonha.

    Resposta
  • 26/01/2018, 17:56 em 17:56
    Permalink

    Rony, paido Filipe? Tá louco?? Rony é professor e ligado a sindicalista e Filipe apresentou o Escola sem Partido, eles sempre divergiram.

    Resposta
  • 26/01/2018, 19:09 em 19:09
    Permalink

    Se existe uma Comissão de Ética na Câmara (que por acaso é presidida por elemento que responde processo ou foi investigado pelo MP), que se acione a mesma, se ela tiver condições Morais e Éticas, concorda Sr Barros? Ou se trata apenas manobra para seus minutos de minutinhos Fama?

    Resposta
  • 26/01/2018, 21:50 em 21:50
    Permalink

    Falando em Barros, alguém aqui bem informado pode me dizer no que acabou a ação civil pública por improbidade administrativa proposta pelo Ministério Público contra a ex-coordenador do Provopar, sra. Isabel Cristina Mesquita de Almeida Barros mais uma turma de suspeitos de terem desviado R$ 500 mil da entidade de ajuda aos pobres? Essa ação foi protocolada em 6 de maio de 2005. Alguém pode me dizer se acabou em pizza?

    Resposta
    • 29/01/2018, 13:45 em 13:45
      Permalink

      bens indisponíveis continuam

      https://tj-pr.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/19661537/agravo-de-instrumento-ai-3180354-pr-0318035-4/inteiro-teor-104451309

      Petição: 2011.00124525
      Data de Cadastro: 12/04/2011
      Data de Recebimento: 13/04/2011

      Data Fase – Complemento
      14/04/2011 às 16:08:00 47 – Remessa Interna

      Tipo da parte Nome da parte
      Polo Ativo Isabel Cristina Mesquita de Almeida Barros
      Advogado Adyr Sebastião Ferreira

      Número do processo: 0018687-34.2005.8.16.0000 Número Antigo: 318035-4
      Classe Processual: 202 – Agravo de Instrumento Assunto Principal: 0 – Não definido
      Comarca: Londrina Vara: 5ª Vara Cível
      Data Recebimento: 26/10/2005 Natureza: Cível
      Requerente: Isabel Cristina Mesquita de Almeida Barros Requerido: Ministério Público do Estado do Paraná
      Órgão Julgador: 4ª Câmara Cível Relator: Desembargadora Regina Afonso Portes
      Juíza de Dto. Subst. em 2ºGrau Astrid Maranhão de Carvalho Ruthes

      Resposta
  • 26/01/2018, 22:06 em 22:06
    Permalink

    Filipe Barros, ateu que se apegou em religião para ascender politicamente, depois de ter sido salvo de uma cassação por esses vereadores quer vir pagar de correto?

    Resposta
  • 26/01/2018, 22:08 em 22:08
    Permalink

    Mas ele não é citado como voto vendido pelo vereadoe Rony?

    Resposta
  • 28/01/2018, 15:19 em 15:19
    Permalink

    Esse cara sabe que a CEI não passa até por que ali dentro tem mais gente envolvida..

    Resposta
  • 29/01/2018, 09:32 em 09:32
    Permalink

    Senhor Felipe que tome cuidado. Eu li o processo, e vi que seu nome foi citado. Talvez esses minutinhos de fama que ele esta tentando fazer, saia pela culatra…

    Resposta
  • 05/02/2018, 14:17 em 14:17
    Permalink

    Não há esperança para o Brasil mesmo , esse moleque não tem vergonha ? Tem memória curta ? Independente do mérito da questão, é pura politicagem , afastamento , etc são consequências óbvias e certas conforme o anda da investigação judicial. Tem memória fraca esse Filipe Barros ? Esqueceu do vídeo divulgado dele sem compostura nenhuma para um homem público? Nós poupe menino ! Acorda , cresce , amadurece e vai trabalhar em prol de seus eleitores em vez de ficar de carona criticando os outros . Acorda meu ! Esquece que nas festas , baladas e baixarias sempre tem gente de olho ? Vergonha alheia !

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: