Cunha, acuado, rompe com governo Dilma

Preparem as narinas porque o que já era uma fedentina, vai piorar, e piorar muiiito.

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), anunciou que irá romper com o governo Dilma. Sentindo-se acuado pela nova denúncia, de que teria pressionado Julio Camargo, envolvido na Operação Lava a Jato, para receber US$ 5 milhões em propina, Cunha resolveu chutar o pau da barraca, por acreditar que a denúncia tem o dedão do Planalto. Ele nega a acusação e diz que é uma articulação do PT para envolvê-lo nos escândalos da Petrobras.

Um comentário em “Cunha, acuado, rompe com governo Dilma

  • 17/07/2015, 18:49 em 18:49
    Permalink

    Esse cara não passa de um louco, pegou US$ 5 milhões de propina e se acha que pode fazer tudo, que moral um cara desse tem pra falar que levara o PMDB para a oposição, pago pra ver.

    Resposta
  • 17/07/2015, 19:29 em 19:29
    Permalink

    Adoro chutar cachorro morto e o Eduardo Cunha foi atropelado com certa gravidade___Cade ele????????????????

    Resposta
  • 17/07/2015, 19:46 em 19:46
    Permalink

    Este deputado Cunha é ditador, uma vergonha para o pais.

    Resposta
  • 17/07/2015, 21:08 em 21:08
    Permalink

    Graças a Deus que esse malandro rompeu publicamente com a presidente Dilma. Imagine a Dilma associada a esse malandro… É melhor esse corrupto, que se esconde atrás da Bíblia, ficar com o Hauly, com o Rossoni, com o Paulinho da Força, com o ministro tucano do STF Gilmar Mendes e toda a cambada que quer prejudicar o Brasil e tirar direitos dos trabalhadores (mas não vão conseguir).

    Resposta
  • 17/07/2015, 22:34 em 22:34
    Permalink

    Por muito menos o André Vargas está preso. Quero ver o Moro botar o Cunha pra ler a Bíblia na cadeia. Ou seria Cunha um aliado circunstancial do juiz Moro? Vamos conferir…

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: