Quais os erros que a esquerda cometeu? Veja, a Esquerda no Divã

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Lula e o carinho da guerreira em Curitiba

do blog do Fernando Tupan

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou ontem em Curitiba e se hospedou na casa de Mirian Gonçalves (PT), ex-vice de Gustavo Fruet (PDT), em um condomínio de luxo, no bairro do Campo Comprido. Lula chegou a cidade por volta das 13h30. Antes de se eleger presidente, em 2002, um dos anfitriões do petista era o professor Lafayete Neves, que cedia o sofá da sala para que ele tivesse um cantinho para pernoitar em Curitiba. Lula decepcionou Neves com os constantes casos de corrupção e o paranaense deixou o partido, anos antes de estourar a Lava Jato.

, , , , , , , , ,

É, Ratinho, antes tarde do que nunca

Faça o que eu digo… Mas antes tarde do que nunca.

Pois é, só agora Ratinho Jr?

O Secretário de Desenvolvimento Urbano do Paraná, deputado estadual Ratinho Júnior, que está deixando o governo, decidiu implantar ontem o programa de compliance no Paranacidade – o serviço social autônomo vinculado a Secretaria. “O programa de compliance traz mais transparência em todos os atos de gestão, estabelece normas e regras de conduta e de ética aos profissionais que fazem parte do Paranacidade”, disse Ratinho Junior que vai ser candidato ao governo em 2018.

Tá, mas só depois de anos e anos dentro do governo?

, , , , , , , , , , ,

Petistas programam manifestação pró Lula em Curitiba

Lula e o parça Palocci. Foto site EsquerdaDiário

Amanhã o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – cuja alcunha é “A Alma mais Honesta do Brasil” vai prestar depoimento ao juiz Sérgio Moro, em Curitiba.

Os petistas – aqueles que ainda acreditam e os que precisam acreditar – marcaram uma manifestação em poio ao ex-presidente. Será na Praça Generoso Marques (próximo à Catedral), no centro de Curitiba, a partir das 18h. Antes, às 16h30, uma aula pública com a presença do ministro da Justiça do governo Dilma RousseffEugênio Aragão, discutirá os métodos utilizados pela Operação Lava Jato.

Confira a programação completa do dia 13/09: (mais…)

, , , , , , , , , , ,

Os 513 partidos do Congresso Brasileiro

Fábio Vasconcellos, O Globo

O que os parlamentares estão prestes a votar aumentará o preço da barganha política do Congresso, ou melhor, de cada parlamentar eleito em 2018

Estamos no início de 2019. Após uma acirrada disputa eleitoral, o presidente eleito começa a se movimentar para construir maioria na Câmara dos Deputados. Pouco mais de um ano antes, o Congresso havia aprovado a reforma política instituindo, entre outras mudanças, o distritão. Pela nova regra, foram eleitos os deputados mais votados em cada estado. São agora mais do que nunca, 513 “reis do voto”.

, , , , , , , ,

Stephanes Jr xinga padre de “bandidinho, marginal…”

E o deputado estadual Stephanes Jr (PSB) pisa feio no tomate, na jaca e em tudo em volta durante a discussão sobre a lei que autoriza a venda de bebida alcoolica nos estádios do Paraná.

Ele se dirige a um dos manifestantes e o xinga de bandido, como lembra o jornalista Fernando Tupan:

Stephanes disparou: “você deve ter sido comprado por alguém pra tá aí, né de azulzinho? Você é marginal, tá fazendo o que aí? Presidente, olha o marginal ali, o bandido ali… o bandidinho ali, bandido, bandido…” O problema é que o de “azulzinho” era um assessor do arcebispo de Curitiba, Dom José Antônio Peruzzo, conhecido como Padre Alex, Alexsander Cordeiro Lopes, coordenador da Ação Evangelizadora da Cúria Metropolitana. O sacerdote ficou de cara e se manifestou na conta do Facebook toda a indignação.

Veja abaixo o que escreveu o padre nas redes sociais sobre o episódio e o destempero do deputado que se diz católico. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , ,

Vai uma mala de dinheiro aí? E um apartamento cheio de dinheiro?

Bom, eu vou guardar essa foto de recordação. Só tinha visto tanto dinheiro junto em filmes que mostram a Casa da Moeda.

E olha só que coisa, a Polícia Federal encontrou hoje essa dinheirama em um apartamento que seria utilizado por Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) em Salvador. O ex-ministro cumpre prisão domiciliar na Bahia. Conforme a PF, a Operação Tesouro Perdido deflagrada nesta terça tinha objetivo de cumprir mandado de busca e apreensão emitido pela 10ª Vara Federal de Brasília. Após investigações decorrentes de dados coletados nas últimas fases da Operação Cui Bono, a PF chegou a um endereço em Salvador, que seria, supostamente, utilizado por Geddel Vieira Lima como “bunker” para armazenagem de dinheiro em espécie. As informações são do G1;

Durante as buscas, foi encontrada grande quantia de dinheiro em espécie. Segundo a polícia, os valores apreendidos serão transportados a um banco onde será contabilizado e depositado em conta judicial.

, , , , , , , , ,

Ex-prefeito de Londrina, Nedson Micheleti é alvo de ação criminal

Claudia Lima/CBN Londrina

O promotor de defesa do patrimônio público, Ricardo Benvenho entrou com uma ação criminal contra nove pessoas, entre elas Jack Dias, então secretário municipal de gestão pública e o ex-prefeito Nedson Micheleti. Ele explica que empresas, que faziam parte de um cartel que já atuava em São Paulo cooptaram os gestores públicos para facilitar a assinatura de contratos de fornecimento de merenda escolar na rede municipal de Londrina. (mais…)

, , , ,

A febre da corrupção na Câmara de Curitiba

E o blogueiro de Curitiba, Fernando Tupan, colocando todos os pingos nos IS informa que mais um vereador está sendo investigado pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR). O motivo é apropriação de salário de funcionários: Osias Moraes (PRB), da Igreja Universal do Reino de Deus,. É o quinto denunciado em menos de um mês. Moraes ainda tem um agravante: é suspeito de nomear um fantasma (um pastor nomeado no gabinete estava exercendo o evangélio na cidade de Maringá, 400 km de Curitiba). Com tantas denúncias, a expectativa do curitibano é que as laranjas podres sejam afastadas. Segundo uma oposicionista, tudo indica estar ocorrendo uma operação abafa no parlamento e os frutos estragados permanecerão apodrecendo no Palácio Rio Branco.

, , , , , ,

Gleisi depõe e diz que é perseguida

do G1

Gleisi – Revista Época

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) prestou depoimento nesta segunda-feira (28) ao Supremo Tribunal Federal (STF) e negou as acusações contra ela na Operação Lava Jato, afirmando que não há provas. Gleisi também se disse “vítima de perseguição política”.

O depoimento da senadora durou pouco mais de uma hora e foi prestado na ação penal no STF na qual Gleisi é ré pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

A petista falou a um juiz auxiliar do ministro Luiz Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo.

(mais…)

, , ,

Partido NOVO briga pelo fim do Fundo Partidário e garante que é diferente, diz Felipe Camozzato

O partido NOVO está correndo o trecho para se posicionar como realmente uma sigla diferente das demais agremiações partidárias. Uma das posturas é não aceitar o Fundo Partidário, que nada mais é do que dinheiro público para os partidos.

Em Londrina para uma palestra, o vereador Felipe Camozzato, conversou com o blog e disse que se for para avançar em algumas questões, o partido – que é recheado de profissionais liberais e empresários – faz aliança programática até com o PSOL e o PT.

, , , , ,

Álvaro Vaselina Dias vai ouvir muito dos empresários do Paraná

E o senador Álvaro Fernandes Dias

Álvaro, em seu momento meiguinho – fotodo blog amigos de Lula

(PODE) arrumou um grande enguiço com vários segmentos empresariais do Paraná.

O motivo foi a vasilinada dele em relação à Reforma Trabalhista. Em ambientes empresariais ele dizia-se favorável à Reforma.

Ontem, durante a votação, ficou ao lado da petista Gleisi Hoffmann e do pemedebista Requião votando contra a reforma.

Pois bem, que se prepare, vai ouvir poucas e boas do empresariado paranaense.

, , , , , , , , , , , , , , ,

Richa ganha parte da briga com Professores sobre episódio de 29 de abril

Informa a laboriosa equipe de comunicação do governador Beto Richa que o Ministério Público Federal arquivou representação contra ele pelo conflito ocorrido no dia 29 de abril de 2015, no Centro Cívico, em Curitiba. O pedido de arquivamento foi comunicado por meio de ofício do vice-procurador-geral da República, José Bonifácio de Andrada. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , ,

Vereador que disse que há lobotomização na Universidade Estadual de Londrina é alvo de carta de repúdio

E o vereador Filipe Barros (PRB) de Londrina continua colecionando adversários e mais alguns inimigos. Agora um grupo de professores universitários, alunos e servidores, está organizando um abaixo assinado, aliás uma carta de repúdio (veja aqui) à escolha do vereador como representante da Câmara no Conselho Universitário da Universidade Estadual de Londrina.

Filipe Barros já se envolveu em várias polêmicas com os universitários e professores da UEL. Em uma delas disse que na UEL há alunos “lobotomizados“. VEJA AQUI

Leia o texto da Carta de Repúdio: (mais…)

, , , , , , , , , , , ,

Kireeff cria site para esclarecer sobre sua gestão

Como tinha certeza que iria levar umas tijoladas no início da atual administração, o ex-prefeito de Londrina Alexandre Kireeff, resolveu fazer uma prestação de contas para a população.

E, como é apaixonado pela internet, colocou no ar o site http://gestaokireeff.com.br/. Nele o ex-prefeito coloca, tintim por tintim o que considera as melhores ações de sua administração.

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
Página 1 de 41234