E o prefeito Kireeff explica o estádio do Café

E diante do óbvio, as pancadarias por causa das condições do Estádio do Café – iluminação de boate, pintura lastimável e gramado apenas para jogos de pelada – o prefeito de Londrina, Alexandre Kireeff, disse o seguinte em seu perfil na rede social Facebook:

Bacana o jogo ontem, hein!! Público respeitável! Mas não é fácil encarar esse gramado tão deteriorado, a pintura descascada e o placar manual. Nessa hora, todos nós que descemos o pau no governo federal que liberou fortunas para serem investidos em estádios e não em hospitais e escolas, esquecemos de tudo isso e sentimos no fundo da alma cada comentário depreciativo dos comentaristas das TVs. Nós optamos por fazer nossos investimentos iniciais realmente em saúde e educação, construindo e aparelhando UPAs, UBSs, escolas, CRAS, Praças da Juventude, renovando nossa frota da saúde, da obras, agricultura, etc., recapeando ruas, duplicando avenidas, contratando mais de 1000 profissionais para a saúde e outro tanto de professores. Contratamos ainda mais de 200 guardas municipais, além de profissionais de todos os setores. Daí vc me diz: e para o Tubarão? Nada? Bem, nós conseguimos resolver a questão do Vitorino, isentá-lo das taxas dos jogos no Café, reformamos banheiros e acessos de acordo com o Corpo de Bombeiros e a Sercomtel virou patrocinador Master do time. Agora começaremos a implementar as ações que dão mais visibilidade. Para o final do ano, já contratamos uma empresa para a substituição desse nosso gramado, que foi substituído pela última vez para a realização do pré-olímpico, estamos providenciando a pintura e iremos licitar o placar eletrônico. Daí começa a melhorar aos olhos e, por consequência, a nossa própria auto-estima. É isso aí, boa tarde a todos!!!!!

Alexandre Kireeff, prefeito

Um comentário em “E o prefeito Kireeff explica o estádio do Café

  • 16/07/2015, 18:48 em 18:48
    Permalink

    Mas a duplicação da Pr 445, vcs querem,fazer de qualquer jeito

    Resposta
    • 16/07/2015, 22:01 em 22:01
      Permalink

      quer também administrar o jardim botânico que é de responsabilidade do estado e deixa abandonado nosso parque arthur thomas e o igapó assoreado . está na hora de olharmos para as nossas responsabilidades. antes de querer meter o bedelho nas responsabilidades dos outros ( estado )

      Resposta
  • 16/07/2015, 21:28 em 21:28
    Permalink

    Está certíssimo! A prefeitura tem mil e uma obrigações mais importantes do que cuidar do Estádio do Café. A cidade, em condições normais, já seria fonte de muitas questões mais importantes. Considerando as condições anormais em que Kireeff recebeu a prefeitura, ele está mais do que correto em deixar o estádio lá pro final da lista de prioridades. Quando sobrar algum troco, que se faça algo por lá. Enquanto isso, deixa os comentaristas falarem mal. São os mesmos comentaristas que criticavam o governo federal por gastar bilhões nos estádios… coerência! Se o governo federal não deveria ter investido nos estádios, por que o governo municipal deveria?! Francamente!!

    Resposta
  • 17/07/2015, 14:15 em 14:15
    Permalink

    Concordo, é muito papo de facebook e pouca ação produtiva. Nem o placar eletrônico que estava doado tiveram a competência administrativa de viabilizar. Para Ô…

    Resposta
    • 18/07/2015, 00:33 em 00:33
      Permalink

      Vá se informar melhor a respeito do placar eletrônico “doado” antes de falar bobagem em público, manézão! Tua sorte é que você não assina com seu nome, senão estaria exposto como um tremendo de um burro mal informado!! Kkkkkkkk

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: