E por falar em professores, escolas aderem à paralisação na sexta

Para relembrar o dia 29 de abril – onde 200 grevistas ficaram feridos na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep)– servidores do Governo do Paraná e representantes de movimentos sociais e sindicais vão promover uma paralisação estadual. Aqui em Londrina, os colégios Hugo Simas e Vicente Rijo irão participar, por isso os alunos não terão aula nesta sexta. Apesar das manifestações, o Hospital Universitário (HU) de Londrina, não será afetado.  A princípio não há nenhum ato marcado para Londrina. Esta paralisação é uma forma de relembrar o confronto que aconteceu há um ano entre o Governo de Estado e os professores.

3 comentários em “E por falar em professores, escolas aderem à paralisação na sexta

  • 27/04/2016, 20:49 em 20:49
    Permalink

    Professores literalmente usados como “boi de piranha” por essa tal app. Tenho certeza que professores que realmente tenham caráter não vão se deixar ser usados por esse sindicato para promover a bandalheira ptralha,… Aqui no nosso estado ate onde sei os professores não ganham nada mau e estão recebendo em dia , já em outros estados como RJ não posso dizer o mesmo…

    Resposta
    • 28/04/2016, 14:33 em 14:33
      Permalink

      Meu amigo, tem muitos professores com dindim a receber e… nada. E, se existe uma entidade que luta pelos professores no Paraná se chama APP. Durante todos os anos em que estudei – e depois meus filhos – em escolas estaduais foi possível perceber que a APP sempre esteve por trás dos movimentos reivindicatórios dos professores. Então professor não é boi de piranha de ninguém. E certamente, se os professores do Paraná não ganham mal, é exatamente porque têm forte representação sindical. Do contrário estariam ferrados com esse governo com espírito escravocrata. Aliás, os tucanos e seus aliados deveriam agradecer muito os professores e funcionários públicos do Paraná: é graças ao dinheiro da Previdência desses trabalhadores que o governador tem pagado dívidas e investido em propaganda na mídia estadual.

      Resposta
    • 29/04/2016, 09:52 em 09:52
      Permalink

      Não seria ANTAS?????????????

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: