Filho de Maranhão era “fantasma” do Tribunal de Contas

Mas o inferno astral e familiar do famoso dos últimos 15 minutos, o presidente interino da Câmara Federal Waldir Maranhão, não para.

Com a repercussão da decisão dele sobre o impeachment, vasculharam a vida do cara e, além dos já conhecidos processos que correm contra ele no Supremo, ainda descobriram que o filho do político, o médico Thiago Augusto Azevedo Maranhão era funcionário fantasma do Tribunal de Contas do Maranhão. O espertão recebia R$ 7,5 mil de salários mais R$ 800 de auxílio alimentação, porém trabalha em hospitais de São Paulo.

Com a repercussão, o presidente do TC maranhense, exonerou o “fantasma”.

Agora Maranhão tem mais uma jaca pra descascar. O PP deve se reunir nos próximos dias para expulsá-lo. Acusam o deputado de infidelidade partidária.

Um comentário em “Filho de Maranhão era “fantasma” do Tribunal de Contas

  • 10/05/2016, 21:11 em 21:11
    Permalink

    É o preço que se paga por se manifestar contra o golpe. Mas por que só agora descobriram que o filho dele era funcionário fantasma? Antes ninguém sabia né? O coitado foi espinafrado mais até do que o próprio Cunha. Aliás, se depender do PMDB e PSDB, o Cunha já já está tranquilinho. Como o PSDB tentou livrar a cara do Delcídio (desde que o Delcídio livrasse a cara do Aécio). Os cleptocratas profissionais estão de volta…

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: