GAECO prende mais dois por suspeita de exploração sexual de menores

O ex-assessor do governador Beto Richa, Marcelo Caramori – também conhecido como Pato Roco -, foi detido hoje mais uma vez pelo Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Também foram presos o delegado da Receita Estadual de Londrina, José Luiz Favoreto e o policial civil Jeferson Pereira dos Santos.

Eles estariam envolvidos no caso de exploração sexual de menores. O esquema começou a ser desmontado com a prisão do auditor fiscal Luiz Antonio de Souza no mês passado.

Favoreto e Caramori foram levados para a Penitenciária de Londrina, já o policial civil foi encaminhado para a Corregedoria, em Curitiba.

Caramori, que havia sido solto dias atrás, foi novamente detido porque teria omitido informações ao Gaeco. À imprensa, Caramori disse que não sabia porque esta sendo preso novamente. Já o advogado de Favoreto disse que seu cliente não participou de nenhum esquema de prostituição e é inocente.

Mais prisões devem ser feitas nos próximos dias.

3 comentários em “GAECO prende mais dois por suspeita de exploração sexual de menores

  • 14/02/2015, 22:19 em 22:19
    Permalink

    Estranho… O delegado da Receita Estadual, Favareto, foi exonerado do cargo 3 dias antes de ser preso. Houve vazamento seletivo ou alguém ligou: “Amigão, deu merda…”?

    Resposta
  • 16/02/2015, 12:13 em 12:13
    Permalink

    engraçado estes caras papam algumas garotas e vão para cadeia, 5 10 anos de condena.Beto Richa e Dilma fodem velho, criança, cego, aleijado, homem, mulher e não acontecem nada com os malandros, esta e a tal da fodha coletiva, ou sexo grupal.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: