Governo libera estudos para Contorno Norte de Londrina

Da Assessoria

O Governo do Paraná, em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL), vai criar um grupo técnico para definir um novo traçado para o Contorno Norte de Londrina. A decisão foi tomada hoje em reunião entre representantes do governo com lideranças empresariais e políticas, no auditório da Acil.
Segundo o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR), Nelson Leal Junior, será preciso um novo estudo para a construção do Contorno Norte em Londrina, cuja obra estava prevista no contrato de concessão da Econorote. “Quando foi feito o aditivo em 2002, foi mantida a construção do contorno de Londrina. No entanto, no aditivo, o valor da obra foi subvalorizado. Ou seja, não há recursos para executar o contorno”, explicou Leal.
CONTRATO – O diretor do DER explicou que para executar o contorno como previsto no contrato de pedágio – em pista simples e em uma área densamente urbanizada – seria preciso R$ 440 milhões e mais R$ 160 milhões para desapropriação de terrenos. Ao todo, este contorno teria 29 quilômetros. Porém, o valor existente é de R$ 126 milhões.
Para adequar esta discrepância, o DER transferiu este recurso para três obras na região. Próximo de Londrina, seriam construídas duas trincheiras, separando o trânsito local da rodovia. E a outra obra seria a construção de uma passarela na altura da empresa Café Cacique. Também será feito com este recurso a duplicação da BR-369 em direção a Jataizinho.
A proposta do governo é buscar em conjunto com a sociedade uma solução para a construção do novo contorno. Antes será feito um estudo mais detalhado do traçado, evitando áreas urbanizadas. O novo contorno seria duplicado, para poder atender a demanda da região.
Participaram da reunião os deputados estaduais Tercílio Turini, Luiz Claudio Romanelli, Thiago Amaral e Cobra Repórter e o deputado federal Alex Canziani, além de prefeitos eleitos da região e lideranças comunitárias, empresariais e políticas.

3 thoughts on “Governo libera estudos para Contorno Norte de Londrina

  • 25/11/2016, 18:03 em 18:03
    Permalink

    esses estudos já eram estudados em 1997,ou a 19 longos anos,nesse tempo milhões de carros passaram pelas cancelas,pelos quebra molas,pelos sinaleiros,por dentro da cidade,matando inocentes que poderiam ter sido poupados,mas estou guardando aqueles tiquetes de pedagio que pode servir num futuro para fazer um charuto e socar no c do Jaime lerner ou num desses desembargadores que dão ganho de causa para esse afano.

    Resposta
  • 21/06/2018, 18:27 em 18:27
    Permalink

    De quem será a empreiteira que está fazendo pedágios brasil afora com o dinheiro arrecadado das praças de pedágio do parana??

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: