Líder de seita é acusada de lavagem de dinheiro e sonegação fiscal

Valentina de Andrade, da seita Lineamento Universal Superior foi ouvida ontem pela Polícia Federal. Ela está sendo investigada por lavagem de dinheiro e sonegação fiscal. Neste mês foram cumpridos mandados de busca na residência, onde foram apreendidas mais de R$ 500 mil moedas estrangeiras. A senhora prestou depoimento deitada na cama, acompanhada por enfermeiros.

Ela disse que o valor guardado em casa, era fruto de doação de ex-maridos e também de membros da seita que fariam doações à ela. O advogado de defesa, disse que a cliente não declarava o imposto de renda, por ser portadora de doença cardíaca.

Deixe uma resposta