OAB vai pedir mais vagas carcerárias

As cadeias londrinenses passam por um problema de superlotação. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vai entrar na sexta-feira com uma ação civil pública, contra o governo do Paraná e a Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná (Sesp-PR). O documento vai cobrar do Estado sobre a criação de 900 vagas carcerárias no município. No último domingo, cerca de 60 presos escaparam.

Deixe uma resposta