Servidores da UEL entram em greve

Assembleia na UEL: foto Assessoria ASSUEL

Servidores da Universidade Estadual de Londrina iniciaram hoje a greve da categoria.

A decisão foi confirmada hoje em assembleia no Campus. O governo anunciou que quer pagar a reposição salarial deste ano, de 5%, parceladamente. Os servidores não concordam.
Depois da assembleia os servidores foram para os departamentos da UEL panfletar para garantir adesão à paralisação.
O grupo também está definindo uma caravana para protestar em Curitiba contra o governo Ratinho Jr.

4 comentários em “Servidores da UEL entram em greve

  • 08/07/2019, 17:09 em 17:09
    Permalink

    Estão corretos! Os bacanas que defendem o governo são cargos em comissão ou detentores de função gratificada que ñ têm o mínimo de competência para passarem num concurso público. Se são tão liberais porque ñ deixam a mamata dos cargos em comissão e partem pra iniciativa privada? Demagogos oportunistas! Vag…..

    Resposta
  • 08/07/2019, 17:46 em 17:46
    Permalink

    Não deveriam dar nada de aumento.

    Fazem greve no período de férias escolares.

    Ratinho é fraco como o Mickey.

    Resposta
  • 08/07/2019, 19:42 em 19:42
    Permalink

    Em 6 meses de (DES)governo os 2 maiores feitos desse governador:
    01)- Conseguir reunir todas as categorias de funcionários públicos do Estado em uma greve de proporções nunca antes vista por causa de uma pendenga que ele sabia existir quando se candidatou.
    02) – Dar a empresários amigos uma renúncia fiscal de 20 BILHÕES de reais, dinheiro este que eles gastam em Ibiza ou na Grécia………………..Matinhos, Guaratuba, Pontal…….nem pensar!

    Resposta
  • 08/07/2019, 23:17 em 23:17
    Permalink

    Povinho mimizento esse da UEL …toda ano mesma choradeira atraz de dinheiro . Privatização urgente dessa UEL …

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: