Polícia Federal na área. Deu ruim em Arapongas

Por Thamiris Geraldini/Jornal Paraná Norte

Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal, em conjunto com o Ministério da Agricultura e Pecuária, deflagrou nesta quarta-feira (31) a operação Ronda Agro, em que cumpriu oito mandados de busca e apreensão em Arapongas expedidos pela Justiça Federal de Londrina.

Uma das empresas investigadas, Bovibras Nutrição Animal, tem como sócia-proprietária Ariana Esper Schneider Duarte, mãe do procurador jurídico do município, Gabriel Esper.

Segundo a investigação, um grupo de pessoas da mesma família teria aberto formalmente quatro empresas em Arapongas para fabricação e comercialização de suplementos minerais e produtos terapêuticos utilizados na alimentação animal (foto acima). No entanto, a fabricação dos produtos seria indevida, já que não constavam registros legais que são emitidos somente pelo Ministério da Agricultura e Pecuária. (leia mais)

Compartilhe
Leia Também
Comente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar
Anúncios
Paçocast
Anúncios