Era para ser em Maringá, mas será em Londrina

Do blog do

Limagrain

Não pense que é só com fábrica de aviões e helicópteros que Maringá tem fama de fazer espuma.
Em janeiro do ano passado a Prefeitura de Maringá divulgou que a multinacional francesa de biotecnologia Limagrain, “impulsionada pela infraestrutura local, desenvolvimento aeroportuário, clima e condições do solo da região”, iria instalar no famoso Parque Cidade Industrial um centro de excelência em pesquisa da empresa na América Latina.

Em agosto passado, sem fazer barulho, Londrina fechou com a Limagrain e confirmou a instalação de uma unidade na Capital do Café, em terreno na PR-445, na saída para Curitiba, com investimento inicial de R$ 4 milhões. O grupo fatura 2 bilhões de euros por ano. É preciso menos firula, menos aquisição de rankings e mais ação.

Deixe uma resposta