Ganharam o mandato e são ausentes


Os fidalgos (filhos de algo ou de alguém) elegeram-se pelos pais políticos em Maringá, Cambé, Curitiba e Cascavel. O resultado o Verdelírio Barbosa – de Maringá – conta sobre os deputados estaduais filhos da ausência paternal, que deveriam puxar as orelhas dos garotinhos e da garotinha: “Os campeões em ausências foram pela ordem: Tiago Amaral, Maria Victória, Pedro Lupion, André Bueno e Luiz Carlos Martins.”

Deixe uma resposta