Memórias do Cárcere 2.0 da Lava Jato

do Opinião e Notícia

De um atento observador interno, em revelação à Coluna, sobre alguns episódios nos últimos meses na cadeia da Lava Jato em Curitiba: João Cláudio Genu, ex-assessor do falecido Janene, teve de dormir semanas no corredor, expulso da cela, por crises de flatulência após cirurgia bariátrica. O pau quebrou na noite em que Nestor Cerveró, considerado desajeitado e bagunçado, urinou sem saber nos objetos pessoais do metódico e cartesiano Fernando Baiano. Os carcereiros tiveram de intervir.

1,2,3..

Marcelo Odebrecht quase saiu no braço com Alberto Youssef. O empreiteiro acorda às 6h para fazer barras na cela, e o doleiro (hoje livre) queria dormir e só reclamava.

 

2 thoughts on “Memórias do Cárcere 2.0 da Lava Jato

  • 27/03/2017, 10:11 em 10:11
    Permalink

    para acabar com esta farra meta todo mundo num presidio bem feroz e acabam o problema de todos.

    Resposta
  • 27/03/2017, 11:29 em 11:29
    Permalink

    E o Andre Vargas?
    Bocão marmita

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: