Os estádios de futebol do Paraná e seus problemas

Os Estádios Municipais são cedidos para os times profissionais de futebol, mas nem sempre as prefeituras e os clubes cumprem com a regularidade anual das portarias do Ministério do Esporte, Ministério Público e o Estatuto do Torcedor.

São laudos de Engenharia, Vigilância Sanitária, Segurança e Prevenção e Combate a Incêndio, bem como as ambulâncias adequadas com 1 médico e 2 enfermeiros com curso superior.
E aí fica difícil praticar o bom futebol.
Em Londrina temos o Estádio Vitorino Gonçalves Dias (sob tutela do Londrina Esporte Clube https://bit.ly/2uHrjEO) e o Uady Chaiben (responsabilidade da Portuguesa Londrinense, mas não registrada na FPF) sem os laudos para campeonatos profissionais, só para Campeonatos de Base e olhe lá, sobrando o Estádio Jacy Scaff com administração da FEL (https://bit.ly/2zNiY8f e laudos dos Bombeiros vencendo em agosto sob controle da CBF).
Vejam a Terceira Divisão do Paranaense de Futebol que começa dia 26 de agosto (https://bit.ly/2LqKFVQ), com somente três estádios em dia para todo o Campeonato: Apucarana, Campo Largo e Verê. O prazo para regularizar encerra-se no fim deste mês:
Apucarana
Arapongas
Campo Mourão
Colorado

http://federacaopr.com.br/Paginas/Estadios/Info.aspx?estadio_id=81

Maringá

2 comentários em “Os estádios de futebol do Paraná e seus problemas

  • 17/07/2018, 16:28 em 16:28
    Permalink

    E o MP de Londrina está sempre quietinho…

    Resposta
  • 17/07/2018, 17:06 em 17:06
    Permalink

    Londrina tinha que arrumar esse VGD e jogar LÁ. Parar de ficar no Café.
    Seria muito melhor para todos
    Se um dia subir para a SÉRIE A, volta pro Estádio do Café.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: