Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann são citados por delator como beneficiários de propina

Gleisi e Bernardo com a presidente Dilma, a que também nunca sabe de nada

Mais um petista entra na alça de mira dos delatores mais que premiados. Agora é o ex-ministro do Planejamento do governo Lula e das Comunicações, do governo Dilma Rousseff, Paulo Bernardo da Silva.

Conforme a Folha de São Paulo, o ex-vereador petista Alexandre Romano disse em delação premiada dentro da Operação Lava Jato, que investiga corrupção na Petrobras, que dividia propinas ligadas ao Ministério do Planejamento com o ex-ministro Paulo Bernardo e com o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, entre 2010 e 2012.

Os desvios no Ministério do Planejamento, desde 2010, podem ultrapassar os R$ 50 milhões.

O PT e Bernardo não quiseram falar sobre o assunto. (leia mais)

Um comentário em “Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann são citados por delator como beneficiários de propina

  • 22/10/2015, 09:14 em 09:14
    Permalink

    Casal 20: Secretários no Mato Grosso juntos; Secretários em Londrina juntos; Ministros juntos… Isso é gostar literalmente de um relacionamento conjugal. Ela foi do ITAIPU e agora ele quer. Lava Jato os dois são citados. Ufaaaaaa

    Resposta
  • 22/10/2015, 09:58 em 09:58
    Permalink

    Se voce verificar , vera que é uma mentira pois nem delação houve, verifique primeiro depois posta.

    Resposta
  • 22/10/2015, 10:25 em 10:25
    Permalink

    nesse caso tem que ser um “LAVA BOING”, pois a sujeira é muito grande !!!

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: