Servidores do Iapar decidem por “estado de greve”, mas permanecem trabalhando

E os funcionários do Instituto Agronômico do Paraná decidiram hoje de manhã não aderir imediatamente à greve. Ficou definido, durante a assembleia que os servidores ficarão em “estado de greve”, até a próxima terça-feira.

Segundo o presidente do sindicado da categoria em entrevista à rádio CBN de Londrina, Ricardo Mouro, havia uma pauta própria para ser discutida com o governo do Paraná, porém esta pauta foi atropelada pelo Pacotaço do Richa.

“Os trabalhadores do Iapar entenderam que o governo demostrou recuo ao retirar o projeto da Assembleia Legislativa. Nós vamos esperar para ver o que vai acontecer na segunda-feira quando os deputados retornarem ao trabalho. Na terça faremos nova assembleia”, disse Moro.

Deixe uma resposta