Vereadores querem explicações sobre o IPTU e, olhem, nem convidaram um tradutor intérprete

A velocidade como a Câmara de Londrina resolve problemas é “expressionante”. Quase três meses depois que a casa caiu, o IPTU chegou nas mãos dos contribuintes, decidiram que hoje parte da sessão ordinária será destinada a  sabatinar secretários da gestão Belinati sobre IPTU e taxa de lixo.

Estarão presentes os secretários municipais de Fazenda, Edson de Souza; de Agricultura e Abastecimento, João Mendonça; de Defesa Social, Evaristo Kuceki; e do diretor-presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), Moacir Sgarione.

Na lista de convidados não estão um tradutor intérprete e nem um desenhista caso eles precisem destes profissionais para ajudar na compreensão da bobagem que fizeram quando aprovaram a lei do aumento do IPTU.

Um comentário em “Vereadores querem explicações sobre o IPTU e, olhem, nem convidaram um tradutor intérprete

  • 15/02/2018, 15:00 em 15:00
    Permalink

    ta acertando as figuras erradas, quem fez toda esta lambança foi Canhadas, Edson Peruca, Ubiratan e o famoso guru do prefeito Paulo Tinoco.E neste que tem que chamar para explicar

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: