MDB confirma pré candidatura de Aguila Misuta

O MDB de Londrina filiou hoje o delegado Águila Misuta, e lançou-o pré candidato a prefeito da cidade.

 

, , , , , ,

Pedido de cassação de Belinati Arquivado. Mais uma ação política Sonrisal em Londrina

E a política em Londrina faz um esforço danado para ficar só no momento picuinha.

Então. Em fevereito ( leia aqui) representantes de três partidos – PSC, PSD e PPS – foram à Câmara e protocolaram um pedido de abertura de Comissão Processante contra o prefeito Marcelo Belinati. Já na época havia o cheiro inconfundível de pura ação política. A acusação era de improbidade administrativa pois, conforme o povo que foi lá, Belinati teria atropelado o processo legal para aplicar o maior reajuste no IPTU desde os tempos da hiperinflação. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Mais de 13 mil assinaturas já foram coletadas contra o IPTU. Fim de semana tem mais

Os moradores da Zona Norte de Londrina, liderados pela Associação Sta Mônica, continuam com as coletas de assinaturas para suspender a lei que aumentou o IPTU e que provocou um estrago monumental no bolso de todo londrinense.

O grupo já coletou 13 mil assinaturas e nos próximos dias acredita que passará de 18 mil.

Neste fim de semana estarão nas principais feiras livres da cidade.

, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Indignados com o aumento do IPTU de Londrina moradores protestam pelas ruas de Curitiba

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Vai entender essa Câmara. Novo diretor geral da Casa responde processo por improbidade

Fala sério.

A Câmara de Vereadores de Londrina procura né. Como procura encrenca para sair mal na fita.

O novo diretor geral da Câmara, Mark Sandro Sorprezo de Almeida, nomeado pelo presidente interino da Casa, vereador Ailton Nantes, responde a processo de improbidade administrativa na Justiça por suposta irregularidade em licitação para compra de marmitas no município de Rolândia (Região Metropolitana de Londrina). Trata-se de uma ação civil pública protocolada pelo MP (Ministério Público) em setembro de 2015, contra Almeida e o ex-prefeito de Rolândia Jonny Lemman, que pede a devolução de R$ 155 mil aos cofres do município. A informação é do jornalista Guilherme Marconi, da Folha de Londrina. Ele é foi alvo também de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), conhecida como ‘CPI da Marmita’, aberta pela Câmara de Rolândia em 2012. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Belinati, o senhor vai continuar morando lá, ou vai mudar?

PP, cidadão conterrâneo da Vila Recreio, pede pra este prestimoso blog perguntar ao prefeito de Londrina Marcelo Belinati aproveitando a declaração do secretário da Fazenda, Edson Souza que disse que se o cara não puder pagar o IPTU que mude de local.

Então, lá vai: (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Administração pública de Londrina volta a bater cartão no MP

Marcelo Belinati – foto Ricardo Chicarelli

Pois é, a administração municipal de Londrina está voltando a bater cartão no Ministério Público. Ontem o MP informou que está iniciando uma investigação sobre o condomínio Village Premium, onde mora o prefeito Marcelo Belinati e que foi loteado pela empresa do primo dele, Dante Belinati Guazzi. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Condomínio onde mora o prefeito foi entregue há cerca de15 anos e ainda está irregular. Pode isso?

No condomínio fechado na Gleba Palhano onde mora o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, o Villagem Premium, praticamente todas as casas têm metragem superior a 250m² de área construída (veja aqui).

É padrão nestes condomínios de luxo determinar uma metragem mínima de área construída. A ideia é que, desta forma, não se construa no local casas populares, por exemplo, de uns 70 metros, que poderiam desvalorizar o condomínio. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Quem fiscaliza quem? Ninguém fiscaliza ninguém

Como diria o blogueiro Zé Beto, diretamente do Centro Cínico.

Como acreditar numa Câmara de Vereadores eleita para fiscalizar as ações da prefeitura e do prefeito se não consegue fiscalizar nem mesmo as ações dos seus vereadores?

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Barros protocola pedido de CEI contra Rony Alves e Mário Takahashi

O vereador de Londrina Filipe Barros (PRB) protocolou agora há pouco um pedido de formação de uma Comissão Especial de Inquérito para investigar a conduta dos vereadores Rony Alves (PTB) e Mário Takahashi (PV). Os dois foram denunciados por suposto recebimento de vantagens indevidas para aprovar projetos de mudança de zoneamento.

 

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

No plenário e as orientações

Na foto o empresário Luiz Guilherme Alho da Silva, no plenário, durante uma sessão da Câmara, conversando e explicando alguma coisa que nem sei o que é, para o vereador Rony Alves (PTB), o assessor de Alves, Evandir Duarte de Aquino e um outro assessor do vereador.

Rony Alves, Luiz Guilherme Alho e Evandir Duarte foram denunciados pelo GAECO por supostamente, fazerem parte de um esquema de benefícios ilícitos.

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Veja o pedido de prisão contra o ex-vereador Emerson Petriv

A defesa do vereador de Londrina Mário Takahashi, afastado da Câmara por decisão judicial, pediu a prisão do ex-vereador Emerson Petriv.
Há uma medida judicial que impede que Petriv se aproxime de Takahashi, o que vem sendo descumprido.
A promotora Solange Vicentin já se pronunciou e deu parecer favorável à prisão.
O caso está nas mãos do juiz criminal Paulo César Roldão.
veja abaixo o pedido:

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,