É recorde, mesmo assim apenas duas mulheres compõem a mesa diretiva da Assembleia do Paraná

Informa o poderoso blog do Fernando Tupan que, com duas parlamentares, a Mesa Diretora eleita conta com a maior participação feminina da história da Alep (Assembleia Legislativa do Paraná As deputadas Maria Victoria, como segunda secretária, e Cristina Silvestri, como terceira vice-presidente, garantem a representatividade feminina na direção do Legislativo. O aumento é fruto da resolução 11/2022, que formalizou a Bancada Feminina e garantiu a presença das deputadas em cargos de direção.

A última mulher a fazer parte da cúpula diretiva do Legislativo foi a deputada e ex-governadora Cida Borghetti (2009-2010), como quarta secretária. Ela é mãe da deputada Maria Victoria. Também ocuparam cargos diretivos as deputadas Luciana Rafagnin (2007-2008), como segunda secretária; Arlete Caramês (2003-2006), como terceira vice-presidente; Irondi Pugliesi (1997-1998), como quarta secretária; e Vera Antônia Agibert (1987-1988), como terceira secretária.

Além disso, a legislatura que se inicia contará com uma bancada feminina composta por dez deputadas, também a maior história. No último período legislativo, eram cinco deputadas. Integra o grupo as deputadas Márcia Huçulak (PSD), Ana Júlia (PT), Luciana Rafagnin, Flávia Francischini (União); Maria Victoria (PP); Cantora Mara Lima (Republicanos); Mabel Canto (PSDB), Cristina Silvestr (PSDB)i, Cloara Pinheiro (PSD) e Marli Paulino (Solidariedade).

O crescimento do número de mulheres no Legislativo foi comemorado pela nova Mesa Diretora. “É uma responsabilidade grande como mulher. Após muito tempo temos uma mulher na Mesa Executiva. Agora são duas. Além disso, dobramos a representatividade feminina na Casa, passado de cinco para 10 deputadas”, comemorou Maria Victoria.

“A participação de mulheres na política é fundamental. Havia esta cobrança por parte das deputadas. A mulher tem de estar presente nas decisões da Mesa Executiva”, disse o presidente Traiano. “A bancada feminina é o fato positivo desta legislatura. A participação da mulher na política vai valorizar muito o trabalho da Assembleia. São deputadas competentes e trabalhadoras, fundamentais na política”, completou o deputado Alexandre Curi.

Compartilhe
Leia Também
Comente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar
Anúncios
Paçocast
Anúncios