MotoTáxi com cara de tuc tuc

Do Angelo Rigon

A frota de veículos automotores de Maringá já tem pelo menos um riquixá motorizado, um tuque-tuque ano 2015, aos moldes indianos, mas produzido em Manaus, pela Motocar.

Os triciclos servem para transporte de carga e passageiros, mas em Maringá a legislação não contempla o veículo para transporte de passageiros, só táxi com automóvel convencional.
PS – O nome do veículo faz lembrar a Operação Riquixá, do Gaeco, aquela que flagrou o ex-prefeito Silvio Barros, que tem ensinado outros prefeitos a administrar, trocando e-mails sobre a licitação do transporte coletivo?

Deixe uma resposta