Agora vai. Ufa!!! Rodovia liberada

É hojeeeeee!!!!!

Moradores da região sul de Londrina ainda relutam em acreditar. Mas segundo o governo do Paraná – se é que dá pra confiar nas informações do governo Richa – vai, finalmente, liberar o trecho da PR 445 que estava interditado – logo depois de inaugurado – para obras e avaliação.

Pois é, lá se vão dois anos e uns cacarecos.

Bom, o trecho de 22 quilômetros demorou dois governos Richa e meio – nova medida de tempo para obras públicas – para ser duplicado. Considerando isso, a duplicação do trecho da PR 445entre Londrina e a entrada do distrito de Guaravera (aproximadamente 35 km) deve demorar aí mais uns três governos Richa pelo menos.

Zeca Dirceu, quase um Batman

O deputado Zeca Dirceu (Foto:  Reprodução)

Filho de José Dirceu, o deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR) foi acusado de receber R$ 500 mil da Odebrecht por meio de caixa dois para as eleições de 2010 e 2014. Algum problema para sua autoestima com as revelações? Nenhum. Zeca mantém no Facebook dezenas de fotos desinibidas. Tem predileção por aquelas tiradas depois da malhação na academia. E ainda sobrou espaço para uma com a máscara do Batman, postada no Carnaval.

Barbosa Neto, Rocha Loures e o que vem por aí

do Zé Beto

Do Goela de Ouro

O ataque de ontem feito por Barbosa Neto (ex-prefeito do PDT cassado em Londrina) como apresentador da TV Record/RIC ao deputado Rodrigo Rocha Loures, citando a fazenda da família no distrito rural de Maravilha, foi devidamente captado pelos advogados do clã. É que a família apoiou a candidatura de Barbosa Neto a prefeito de Londrina (2008 e 2009) e recebeu em troca o entusiasmo dele na candidatura de Rodriguinho a vice-governador de Osmar Dias em 2010. Os impropérios desferidos pelo apresentador na TV e na sua rádio Brasil Sul servirão, segundo os advogados, para os processos judiciais que virão através pelo pai do deputado.

Escola federal fará cursos para municípios do Cindepar

A Escola Nacional de Administração Pública (Enap), vinculada ao Ministério do Planejamento, realizará no Paraná, cursos especiais para qualificação de funcionários públicos municipais. A definição das ementas e o esboço do calendário das aulas serão propostos amanhã, em Londrina, durante o lançamento da parceria que a instituição estará formalizando com o Consórcio Público Intermunicipal de Inovação e Desenvolvimento do Estado do Paraná (Cindepar). O evento será às 8h30 no Senai da Rua Belém, 844, centro da cidade, e é voltado a prefeitos, secretários municipais, vereadores e presidentes de Câmaras do Estado. (mais…)

Temer convoca a imprensa e diz que NÃO RENUNCIA

O presidente Michel Temer acaba de se pronunciar e disse que NÃO RENUNCIARÁ, segundo ele o País está entrando nos eixos, resultados positivos, etc.

E, disse que nunca autorizou ninguém a pagar cala-boca pra ninguém. Disse que espera que as investigações sejam céleres e que ficará, segundo ele, comprovado de que ele nunca agiu fora da lei. “Não comprei o silêncio de ninguém”, disse Temer durante pronunciamento terminado há poucos minutos.

FHC recomenda que Temer e Aécio renunciem se não tiverem uma explicação plausível

Da Veja

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) opinou, em sua conta no Facebook, sobre a conturbada crise política que atinge o Brasil desde quarta-feira, quando foram revelados trechos da delação premiada do empresário Joesley Batista, do grupo JBS. Em sua colaboração, ele entregou gravações que comprometem o presidente Michel Temer (PMDB) e o senador Aécio Neves (PSDB-MG). (mais…)

Rocha Loures, no olho do furacão, parça das cobras criadas do Paraná

E o deputado federal Rodrigo Rocha Loures, que até há poucos dias era assessor direto do presidente Temer, está no olho do furacão.

Hoje policiais federais cumpriram um mandado de busca e apreensão em imóvel do deputado, em Curitiba, no bairro Vista Alegre. O parlamentar teria sido indicado pelo presidente Michel Temer para receber propina, segundo o jornal O Globo.

Pois bem. Rodrigo Rocha Loures tem uma história de poder no Paraná. Filho do ex-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná, foi beneficiado com a força política do pai na época e elegeu-se deputado federal. Anos depois foi candidato a vice-governador na chapa de Osmar Dias.

Também mantinha relações muito próximas com Roberto Requião de Mello e Silva. Alçado a assessor especial de Michel Temer,na última campanha não conseguiu se eleger, mas ficou na suplência do PMDB. Quando Temer convocou Osmar Serraglio para o Ministério da Segurança, ele ficou com a vaga na Câmara.

Página 1 de 44512345...102030...Última »