A guerra da bola na CPI do Senado

Do Zé Beto

Do Goela de Ouro

O lobby de Ricardo Gomyde, ex-candidato a presidente da Federação Paranaense de Futebol, cuja convocação para a CPI do Futebol foi sugerida pelo senador maranhense Roberto Rocha (PSB), reagiu e apresentou um fogo contra o atual presidente Hélio Cury – na mesma CPI no Senado. Agora o requerimento é assinado pelo senador Humberto Costa (PT). O detalhe é que a proposta, pelo que se ouve nos bastidores em Curitiba e Brasília, é na base do famoso ‘eu retiro o meu requerimento, desde que você retira o seu’. Tudo aconteceu miraculosamente após a notificação de um Conselheiro Fiscal da FPF contra o Maringá e Coritiba por tentativa de fraude em eleições de março último, situação que poderia causar o banimento do futebol, rebaixamento de divisão no Paranaense ou até no Brasileiro, para o medo dos cartolas coxas envolvidos na operação dos 100 mil reais na conta do filho do presidente do Maringá.

Deixe uma resposta